Nissan X-Trail é um dos SUVs mais vendidos dos Estados Unidos; modelo foi atração do Salão do Automóvel de 2018
Divulgação
Nissan X-Trail é um dos SUVs mais vendidos dos Estados Unidos; modelo foi atração do Salão do Automóvel de 2018

Conforme apurado pela reportagem do iG Carros, o lançamento de novos modelos da Nissan no Brasil dependerá de condições favoráveis do dólar. Atualmente, a moeda americana que precifica veículos importados está sendo negociada a R$ 5,38, valor considerado alto pela indústria.

A Nissan tem planos de lançar o SUV médio X-Trail no Brasil para disputar uma fatia do mercado dominado pelo Jeep Compass . O segmento cresceu nos últimos anos após a chegada de VW Tiguan Allspace , Chery Tiggo 5X e Chevrolet Equinox , mas o utilitário da marca japonesa feito no Tennessee (EUA) dependerá do dólar na faixa de R$ 3,80 para ter valor competitivo.

Este não é o caso do Novo Versa , que é feito em Aguascalientes (México) e tem benefício do acordo de livre comércio automotivo entre os países. Apesar de também ter seu valor tabelado em dólar, o sedã compacto está isento de impostos de importação.

O lançamento de novos veículos da Nissan no Brasil dependerá exclusivamente de condições cambiais. Por conta da pandemia, a marca japonesa postergou novos investimentos na fábrica de Resende (RJ), onde atualmente são feitos os modelos Kicks e V-Drive . Não há previsão de aumentar a gama nacional nos próximos anos.

Em setembro do ano passado, a Nissan encerrou a produção nacional do compacto March, reduzindo a capacidade de fabricação do complexo de Resende de dois para um turno. Com a decisão, 398 empregados foram demitidos. 

A Nissan sinalizou interesse de vender o X-Trail no Brasil pela primeira vez em 2018, quando exibiu a versão híbrida de sua antiga geração no Salão do Automóvel de São Paulo . Desde então, as condições financeiras pioraram e os planos acabaram esfriando.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários