Dacia Spring
Divulgação
Dacia Spring


A Renault divulgou na França os preços do Dacia Spring , como o Kwid elétrico será conhecido no mercado europeu. Importado da China, o subcompacto estreia no país europeu com preços a partir de 12.264 euros (cerca de R$ 81.300), já incluindo o desconto oferecido pelo governo local para a compra de elétricos.


Já com o visual atualizado, que chega ao Brasil ainda este ano, o Renault Kwid elétrico será oferecido inicialmente em duas versões (Comfort e Business). Mas uma variação voltada para o transporte de cargas (Cargo) já está confirmada para chegar ao mercado europeu em 2022. A configuração Comfort é a voltada para o consumidor pessoa física. Com preços que partem de 12.403 euros (cerca de R$ 82.300), traz ar-condicionado, radio com bluetooth e luzes diurnas de LED.

Você viu?

O pacote Plus adiciona interior com detalhes em laranja, sistema multimídia com tela de 7", câmera de ré e sensor de estacionamento traseiro e uma roda de estepe (no lugar do kit de reparo). Já a configuração Business é a mais acessível da linha, mas voltada para uso em serviços de carros compartilhados. Além da preparação para tal, traz de série itens protetores de soleiras e sensor de estacionamento traseiro. Como opcional, pode receber também o sistema multimídia.


No lugar do motor 1.0 de 70 cv do carro fabricado em São José dos Pinhais (PR), o Dacia Spring usa um motor elétrico de 44 cv e 12,75 kgfm. A bateria, de 27,4 kWh, garante a autonomia de até 305 km no ciclo WLTP. Mas contribui para que o modelo elétrico seja consideravelmente mais pesado que o flex, pesando 970 kg (ante os 806 kg do Kwid Outsider ). Com este conjunto, o hatch elétrico acelera de 0-100 km/h em 19,1 segundos e atinge 125 km/h. Números que deixam claro a vocação urbana do modelo.

Na França, a pré-venda do Renault Kwid elétrico começa no próximo dia 20, com as primeiras entregas previstas ainda para o 1º semestre. Já para o Brasil, o modelo é cotado para ser um dos dois novos carros elétricos que a marca francesa confirmou para o mercado local até 2022.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários