Renault Kiger
Divulgação
Conceito do Renault Kiger, apresentado no início de 2020; modelo de produção manterá 80% do design do protótipo

Um forte candidato a ser vendido no Brasil será apresentado globalmente no dia 28 de janeiro. Trata-se do Renault Kiger , a versão SUV do Kwid que terá foco em países emergentes e poderá ser produzida em São José dos Pinhais (SP) ao lado dos outros veículos da marca.

O Kiger ainda não apareceu sem camuflagem, mas a Renault antecipou que o modelo manteve “80% do design do conceito antecipado no começo de 2020”. Sua plataforma será utilizada em outro do grupo veículo que também tem chances de ser vendido no Brasil: o Nissan Magnite , previsto para 2022. 

Imagens do novo crossover subcompacto em testes na Índia comprovam que o Kiger terá faróis com assinaturas em LED e desenho bem robusto na carroceria. As semelhanças com o Kwid são notáveis na silhueta, onde o modelo adota o padrão do “teto flutuante”. Na traseira, o Kiger também terá assinaturas em LED e um pequeno defletor de ar.

De acordo com o site Indian Autos Blog, o interior do novo Kiger terá muitas semelhanças com o monovolume Triber. Portanto, podemos esperar pelo mesmo volante do Sandero, mostrador parcialmente digital, porta-luvas duplo e painel com três tonalidades. A imprensa indiana também espera que o modelo tenha chave presencial e ar-condicionado digital.

Mecânica

Na Índia, o Renault Kiger chegará às concessionárias com motor 1.0 aspirado de três cilindros capaz de desenvolver 72 cv de potência nos modelos básicos. As versões intermediária e topo de linha terão motor 1.0 turbo de 99 cv de potência, com opção de câmbio manual de cinco marchas, ou automática do tipo CVT. O mesmo arranjo é seguido pelo Magnite, que estará nas lojas da Ásia em meados de junho.

Os valores do Renault Kiger serão revelados durante o lançamento oficial, no próximo dia 28. O site Indian Autos Blog projeta que o novo crossover será mais caro que o Nissan Magnite , que parte de 499 mil rúpias (R$ 35 mil, em conversão simples).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários