O Tucson foi lançado em 2004, como uma variação da Hyundai para o SUV Kia Sportage de segunda geração. Ambos os modelos eram montados sobre a plataforma do sedã médio Hyundai Elantra e compartilhavam os mesmos motores de quatro e seis cilindros.


Inicialmente importado da Coreia do Sul, o Hyundai Tucson acabou fazendo sucesso no mercado brasileiro, chegando até a figurar no pódio dos SUVs mais vendidos. Foi nacionalizado em 2010, com produção na fábrica da Caoa em Anápolis (GO).

Por aqui, o SUV pioneiro seguiu em produção até 2017. Resultado de uma estratégia inusitada na qual o carro dividia o showroom das concessionárias com os Tucson de segunda geração (iX35) e terceira geração ( New Tucson ), sendo posicionado para brigar com os SUVs compactos.

Em setembro passado, a Hyundai apresentou a quarta geração do Tucson, que ganhou uma carroceria de linhas bem mais arrojadas do que as do carro de 3ª geração produzido atualmente no Brasil e que ainda não tem data confirmada para chegar ao Brasil. Confira a seguir algumas das versões das gerações passadas que nunca chegaram ao nosso mercado.

1 - Tucson chinês

Hyundai Tucson (China): arranjo nos faróis, lanternas e rodas estão entre as diferenças do SUV vendido na China
Divulgação
Hyundai Tucson (China): arranjo nos faróis, lanternas e rodas estão entre as diferenças do SUV vendido na China


Da mesma maneira que no Brasil, o Tucson de primeira geração feito na China conviveu por alguns anos com o ix35 . Mas para isso, a marca sul-coreana preparou uma reestilização leve que nunca chegou no carro vendido por aqui.

Mantendo os mesmos faróis, o Tucson ganhou um novos para-choques e uma nova grade frontal seguindo a linguagem de desenho da marca na época. Alterações que foram complementadas com novas rodas e lanternas com novo arranjo de luzes.

2 - Tucson a hidrogênio

Hyundai Tucson FCEV: corresponde ao ix35 vendido o Brasil, mas com motor que emite apenas vapor d´água pelo escapamento
Divulgação
Hyundai Tucson FCEV: corresponde ao ix35 vendido o Brasil, mas com motor que emite apenas vapor d´água pelo escapamento


A Hyundai chegou a testar na primeira geração do Tucson a propulsão elétrica com célula de combustível. Mas foi apenas na segunda geração que esta se tornou uma opção de linha para o SUV.

Você viu?

Nesta tecnologia, o veículo é abastecido com hidrogênio e este elemento se transforma em eletricidade a partir de uma reação eletroquímica com o oxigênio. Com um motor de 134 cv, o Tucson FCEV podia rodar até 594 km com uma carga de hidrogênio.

3 - Tucson The Walking Dead

Hyundai Tucson The Walking Dead: entre os detalhes exclusivos estão os detalhes da pintura da carroceria
Divulgação
Hyundai Tucson The Walking Dead: entre os detalhes exclusivos estão os detalhes da pintura da carroceria


Quem assistiu as primeiras temporadas do seriado The Walking Dead vai se lembrar da presença de um Tucson de segunda geração. Um carro novo que parecia muito fora de lugar no clima pós-apocalipse zumbi da produção, mas cuja presença era explicada pelo patrocínio da Hyundai.

Enquanto a parceria durou, a marca sul-coreana chegou inclusive a lançar uma série especial do Tucson com o nome do seriado. Além de uma faixa lateral decorativa, trazia um kit de sobrevivência com mochila, saco de lixo, kit de primeiros socorros e até creme dental.

4 - Tucson N Line

Hyundai Tucson N Line: versão esportiva conta com motor sobrealimentado e visual arrojado
Divulgação
Hyundai Tucson N Line: versão esportiva conta com motor sobrealimentado e visual arrojado


Em 2019, a Hyundai apresentou na Europa o Tucson N Line , que era uma versão de visual esportivo do carro de terceira geração.

Além do facelift que nunca chegamos a ter por aqui, o modelo trazia um kit aerodinâmico exclusivo, rodas com acabamento em preto, e suspensão e direção recalibrados. Já uma das opções de motorização era o mesmo 1.6 turbo de 177 cv do carro feito em Anápolis (GO).

5 - Tucson Sport

Hyundai Tucson Sport com 204 cv de potência faz jus ao sobrenome e ás quatro saídas de escapamento na traseira
Divulgação
Hyundai Tucson Sport com 204 cv de potência faz jus ao sobrenome e ás quatro saídas de escapamento na traseira


Os sul-africanos foram além no conceito de um Tucson com visual esportivo. A versão Sport do SUV médio é a mais cara da linha no país africano, trazendo um kit aerodinâmico com saias laterais e escape com quatro saídas na traseira.

Este pacote visual pode ser combinado a um motor 2.0 turbodiesel de 204 cv ou uma versão incrementada do 1.6 turbo do  Hyundai Tucson  feito no Brasil, também capaz de despejar 204 cv.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários