Caravan 1976 traz elementos de customizaação da época, tais como as rodas Cruz de Malta, espelhos BMW, toca-fitas...
Renato Bellote
Caravan 1976 traz elementos de customizaação da época, tais como as rodas Cruz de Malta, espelhos BMW, toca-fitas...

O Opala foi lançado no Brasil em 1967. Logo após sua chegada caiu no gosto do consumidor brasileiro, já que trazia um estilo europeu com a sólida mecânica dos modelos estado-unidenses. Além disso trazia versões para todos os gostos e todos os bolsos.


Inicialmente foi oferecido com motor de quatro cilindros em linha e 2700 cm³ cilindrada e também uma versão com seis cilindros em linha e 3800 cm³ de cilindrada. Dessa forma ele agradou os clientes que buscavam elegância, conforto e também um certo status na época, algo que a Chevrolet sabia vender muito bem.

Mas hoje vamos falar de motores fortes. Na metade da década de 70 a marca lançou o 250-S , também com 6 cilindros em linha porém com 4,1 litros e 171 cv. Uma de suas características mais marcantes era o fato de trazer tuchos mecânicos que produziam um ruído bastante característico.

Também foi na década de 70 que a Chevrolet investiu para criar a Stock Car , categoria que trazia uma competição exclusiva com Opala e que servia para fazer uma grande propaganda de seu desempenho em relação aos rivais com motores V8 . As brigas na Divisão 3 eram lendárias.

Você viu?

O destaque da matéria dessa semana mescla um pouco das duas coisas. Esta bela Caravan 1976 traz elementos de customizaação da época, tais como as rodas Cruz de Malta, espelhos BMW, toca-fitas e equalizador, além dos raríssimos bancos Recaro CSE, os quais se destacavam pelos controles elétricos e diversas opções.

A cereja no bolo está no cofre do motor. Marcio Valente, um amigo de longa data, montou esse projeto com a mecânica da Old Stock Race , categoria atual que homenageia os clássicos da antiga Stock Car e traz o grid cheio de Opalas em várias etapas e circuitos diferentes.

A parte mecânica se destaca pelo coletor de escapament o, comando de válvulas mais bravo e o escapamento 6x2. Dirigir esse clássico nas ruas é uma sensação bastante singular, com destaque para os freios Willwood nas quatro rodas. Aumente o som e aproveite!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários