Nissan Leaf chegou a ser o carro elétrico mais vendido do Reino Unido, superando o BMW i3
Divulgação
Nissan Leaf chegou a ser o carro elétrico mais vendido do Reino Unido, superando o BMW i3

A Nissan comemora a marca de 250 mil veículos elétricos vendidos na Europa desde o lançamento da primeira geração do Leaf em 2010. Deste volume, 208 mil unidades correspondem ao hatch que também é vendido no Brasil, enquanto as outras 42 mil são de emplacamentos da van elétrica e-NV200 .

“O Leaf foi a faísca para o nascimento dos carros elétricos modernos. Até hoje, segue como um modelo inovador na categoria, com tecnologias inovadoras e um motor elétrico avançado”, diz Leon Dorssers, vice-presidente de marketing da Nissan.

“A van e-NV200 revolucionou os modelos comerciais elétricos. Ela oferece o balanço perfeito entre sustentabilidade, praticidade e conveniência. O baixo custo de manutenção também é destaque”, diz Emmanuelle Serazin, diretora de vendas de veículos elétricos na Europa.

A Nissan anuncia que terá novidades no portfólio global de veículos elétricos com uma van inédita. Segundo o site britânico AutoExpress, o investimento de 1 bilhão de libras anunciado para a fábrica de Sunderland (Inglaterra) será usado para a produção da próxima geração do Leaf, que deve abandonar o aspecto de hatch para se transformar em um crossover em meados de 2023.

O Nissan Leaf é o único modelo elétrico do catálogo brasileiro. Importado do Reino Unido, parte de R$ 239.900, com autonomia para percorrer 370 km em ciclo urbano. Não há planos de importar a van elétrica e-NV200 para o Brasil. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários