Audi A3 Sedan é destaque em revendedora de carros de luxo, mesmo depois de ter sua produção encerrada no Brasil
Divulgação
Audi A3 Sedan é destaque em revendedora de carros de luxo, mesmo depois de ter sua produção encerrada no Brasil

A falta de microchips semicondutores na indústria fez as vendas de veículos seminovos aumentarem naturalmente. Este fenômeno também é registrado no mercado premium, onde a venda de seminovos de luxo cresceu 23% durante a pandemia do novo coronavírus. Os dados são da Carbig Premium, marca de seminovos de luxo da Carbel Auto Group.

Segundo Bruno Machado, gerente da Carbig Premium, a Audi é a fabricante de maior destaque no mercado de seminovos de luxo. “Os veículos da montadora alemã estão entre os mais procurados, mas também trabalhamos com BMW , Mercedes , Land Rover , Jaguar , Volvo e Porsche ”, diz o executivo.

Machado afirma que a maioria das transações no segmento de luxo são de veículos com até cinco anos de fabricação, que rodaram entre 10 e 12 mil quilômetros. “Temos modelos 2020/2021 que chegaram a rodar apenas 200, 500 quilômetros. A maioria ainda tem garantia de fábrica”, explica.

A Carbig avalia o cliente de seminovos de luxo. “O consumidor de carros premium tem outros modelos em casa. Normalmente o veículo premium é utilizado no fim de semana. Aquele que o condutor tem grande prazer em dirigir em momentos de descontração com a família”, diz o gerente.

Leia Também

Leia Também

Com a falta de veículos novos nas concessionárias, os seminovos se tornaram alternativas à pronta-entrega. Um veículo de luxo importado chega a demorar 90 dias para ser entregue , com possíveis aumentos neste intervalo.

O gerente Bruno Machado afirma que a aquisição de um seminovo de luxo ainda pode proporcionar um veículo mais equipado. “Há a oportunidade de comprar um seminovo com mais opcionais, mecânica, tecnologia e tamanho pelo preço de um zero quilômetro inferior”, diz o executivo. “O Audi Q5 é o SUV mais vendido do mundo, com grande aceitação no mercado. Com o valor de um Q3 zero, é possível comprar um Q5 seminovo ”.

A Carbig também divulga que veículos seminovos de luxo podem fazer bem para o bolso do cliente. “Além de serem mais em conta, eles não demandam gastos com emplacamento, certificado de registro, licenciamento, emissão de documentos e outras despesas essenciais em um carro zero quilômetro”, diz Machado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários