Land Rover Freelander 2007 tem o mesmo preço de um Ford Fiesta 2014, mas a manutenção é bem mais cara
Divulgação
Land Rover Freelander 2007 tem o mesmo preço de um Ford Fiesta 2014, mas a manutenção é bem mais cara

A plataforma de consulta veicular Olho no Carro lançou a c esta básica para compor o valor médio dos 5 itens mais trocados em um automóvel, aferindo que consertar um modelo de luxo pode custar três vezes mais do que outro na mesma faixa de preço. 

"Um carro de luxo usado por uma pechincha é atrativo, mas pode transformar o sonho em pesadelo quando a pessoa se dar conta dos custos de reposição de componentes que precisam ser substituídos com regularidade ou na primeira batida", diz Yago Teixeira, diretor de produtos da Olho no Carro. “A diferença em relação aos itens pode ser de até 300%”.

Ford Fiesta é um seminovo mais racional, com custo de manutenção acessível
Divulgação
Ford Fiesta é um seminovo mais racional, com custo de manutenção acessível

A Olho no Carro compõe a Cesta Básica com base nos preços de faróis, lanternas, kits de freios e  filtro de combustível. Segundo a empresa, o kit de freios para uma Land Rover Freelander 2007 tem preço médio de R$ 1.100, enquanto para o Ford Fiesta 2014 , fica na faixa de R$ 350. Os faróis de um Freelander saem por R$ 1.800, enquanto os do Fiesta custam R$ 400.

Para substituir central eletrônica e bicos injetores, o proprietário do Freelander gastará R$ 1.900, enquanto no Fiesta 2015 o valor fica na faixa de R$ 1.000. A comparação dos amortecedores também revela disparidade, sendo que no SUV inglês o proprietário terá que desembolsar R$ 1.500, enquanto no hatch que era produzido em São Bernardo do Campo (SP) o valor fica em R$ 400. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários