Subida de preços dos carros novos foi tremenda em 2021, impulsionando também os seminovos
Divulgação
Subida de preços dos carros novos foi tremenda em 2021, impulsionando também os seminovos

No mês em que a indústria registrou o pior resultado de vendas desde 2005, os preços dos carros novos mostraram resiliência na tendência de alta. É o que aponta o primeiro Monitor de Variação de Preços de 2022 da KBB Brasil. De acordo com o levantamento, carros novos subiram, em média, 1,4% no período.

Ao detalhar o comportamento de preços dos carros novos, fica evidente que a média, na verdade, foi puxada para baixo por conta dos modelos de estoque ao ano modelo 2021, que ainda são detectados pela metodologia de pesquisa da KBB Brasil. Porém, se isolarmos somente os carros 2022, a média de variação passou por pouco dos 2% no mês.

Variação de preço de carros 0 km em janeiro de 2022

Ano/Modelo Dezembro (2021) Janeiro Média Mensal (2021)
Média 0,74% 1,39% 1,33%
2022 1,52% 2,03% 1,67%
2021 0,05% 0,01% 1,09%


Com essa média, a variação dos automóveis novos conseguiu se manter acima da média mensal observada ao longo de 2021, que subiu a 1,33% ao mês, enquanto em 2020, os carros novos tinham acréscimo médio de 0,48% ao mês.

No caso dos veículos seminovos e usados , o MVP aponta que houve um leve arrefecimento na inflação destas categorias em comparação com dezembro do ano passado, porém a tendência de alta se mantém.

Em relação aos seminovos, com até três anos de uso, aqueles com ano modelo 2021 foram os que mais subiram de preço em janeiro, 1,12% em média, número que deixa esses veículos abaixo da média de 1,42% ao mês de variação que os seminovos tiveram em 2021 (em 2020, a média mensal de inflação da categoria era de 0,38%).

Leia Também

Leia Também

Variação de preço de carros seminovos (até 3 anos de uso) em janeiro de 2022

Ano/Modelo Dezembro (2021) Janeiro Média mensal (2021)
Média 2,15% 0,70% 1,42%
2021 2,70% 1,12% 1,09%
2020 2,97% 0,51% 1,06%
2019 1,80% 0,77% 1,54%
2018 1,50% 0,52% 1,85%


Já quanto aos carros usados , entre 4 e 10 anos de uso, a variação de 0,56% para a categoria ficou bem abaixo da média de 2,04% de variação mensal observada ao longo do ano passado.

Esta média, aliás, representa um salto relevante em relação aos 0,16% de média mensal de acréscimo que o MVP registrou em 2020. Dentre os anos modelos desta categoria, o de 2012 foi o que mais subiu de preço em janeiro, com variação de 1,53%.

Variação de preço de carros usados (entre 4 e 10 anos de uso) em janeiro de 2022

Ano/Modelo Dezembro (2021) Janeiro Média mensal (2021)
Média 1,45% 0,56% 2,04%
2017 2% 0,26% 2,02%
2016 1,52% 0,43% 1,99%
2015 0,96% -0,11% 2,04%
2014 0,91% 0,83% 2,09%
2013 1,44% 0,97% 2,10%
2012 2,10% 1,53% 2,01%
2011 1,35% 1,35% 1,89%


O MVP de janeiro da KBB Brasil analisou 26.376 versões disponíveis no mercado para fazer o levantamento.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários