Tamanho do texto

Modelo é um dos motivos das vendas crescentes da marca sueca. Assista ao vídeo da nova versão do SUV que acaba de chegar ao País

Aproveitando o crescimento em suas vendas nos últimos meses, principalmente depois do lançamento do SUV compacto XC40, a Volvo Cars do Brasil está agora traz a versão diesel do XC60, que na versão a gasolina, é um dos seus carros-chefes no país. E é no Sul que o Volvo XC60 diesel tem melhor sobressaído.

LEIA MAIS: C4 Cactus promete dar um "up" nas vendas da Citroën no Brasil

Com o Volvo XC60 diesel em duas versões de acabamento, Momentum e Inscription, a fabricante sueca reforça seu posicionamento no segmento e aumenta a gama do modelo, que na região Sul apresentou crescimento de 20,7% nas vendas de janeiro a agosto deste ano comparado ao mesmo período de 2017. O SUV premium já acumula 1.760 unidades emplacadas em 2018.

O desempenho de mercado do modelo ilustra os ótimos resultados da marca no Sul do país. Em agosto foram emplacadas 129 unidades contra 84 do mesmo mês em 2017, alta de 53,5%. O crescimento da Volvo é ainda maior no período de janeiro a agosto deste ano. Com 767 carros vendidos, ante 466 de igual período no ano passado, a fabricante sueca atingiu um crescimento consistente de 64,5%.

LEIA MAIS: Honda Civic Si e CR-V: como andam os importados?

O XC60 D5 é equipado com um motor biturbo de 2 litros e quatro cilindros, o mesmo que equipe o grandalhão XC 90. A potência máxima de 235 cavalos é também acompanhada de muita força: são 49 kgfm de torque máximo, alcançados em baixa rotação, entre 1.750 e 2.250 rpm (37% maior do que o motor T5 a gasolina, com 35,7 kgfm). O XC60 diesel sai da imobilidade e chega a 100 km/h em 7,2 segundos e tem velocidade máxima de 220 km/h.

Volvo XC60 diesel sai da jaula

Volvo XC60 diesel dará novo fôlego às vendas da marca no Brasil? Tudo indica que sim pela boa procura por SUVs a diesel
Divulgação
Volvo XC60 diesel dará novo fôlego às vendas da marca no Brasil? Tudo indica que sim pela boa procura por SUVs a diesel

A modernidade do D5 Drive-E reflete-se na solução tecnológica pioneira da Volvo Cars para eliminar o atraso na resposta do motor ao pisar no acelerador, conhecido como turbo lag. O que o PowerPulse faz é entregar um forte desempenho no arranque do modelo por meio de um sistema de ar comprimido.

O equipamento atua com um pequeno compressor elétrico que, ao receber ar fresco do filtro de ar, comprime-o para armazená-lo num depósito. Ao pressionar o acelerador com o automóvel parado ou com o motor abaixo dos 2 mil giros, em primeira ou segunda marcha, o ar pressurizado é liberado para o coletor de escape, alimentando o turbo compressor. Esse rápido impulso de potência cria justamente a reação instantânea do motor. O ar no depósito é substituído automaticamente, fazendo com que o PowerPulse esteja sempre apto a despejar um novo impulso ao toque no acelerador. Essa tecnologia exclusiva garante ótimo desempenho de arranque sem comprometer a eficiência do motor Drive-E.

LEIA MAIS: JAC T50: SUV médio custa metade do preço dos rivais

O utilitário esportivo da Volvo que rivaliza com o Jaguar F-Pace e Land Rover Discovery Sport conta com transmissão automática Geartronic de oito velocidades, que proporciona uma condução ainda mais dinâmica.

A única diferença para a Volvo XC60 a gasolina é a motorização. Design, acabamento e conteúdo continuam praticamente o mesmo do modelo que já é vendido no Brasil há algum tempo. Os preços sugeridos para o novo Volvo XC60 diesel são: R$ 275.950 para a Momentun e R$ 289.950 para a Inscription.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.