Por lá, encontramos Honda CB 750 Nighthawk, BMW nineT, Harley-Davidson, Vespa, Triumph, Moto Guzzi e outras
Carlos Patrício
Por lá, encontramos Honda CB 750 Nighthawk, BMW nineT, Harley-Davidson, Vespa, Triumph, Moto Guzzi e outras

Todos os anos, distintos cavalheiros, distintamente trajados, reunem-se em diversas partes do globo para um passeio dominical. Com suas motocicletas, logicamente. É o DGR – Distinguished Gentleman’s Ride, que acontece simultaneamente em todos os locais participantes, sendo que a organização de cada grupo é feita de forma independente.

Além do passeio das motocicletas , a maioria delas antigas ou vintage, o DGR aproveita para angariar fundos para diversas ações sociais. No ano passado, participei do passeio com uma Royal Enfield Pegasus e, para este ano, estava pronto para sair com uma Honda CB 750 Four 1972 quando um imprevisto me impediu.

Fiquei sem ver as motocicletas que circularam por São Paulo, o que, acredito, seja a parte mais interessante do dia. É que sempre aparece um modelo mais antigo ou mais raro, justamente o que nos fez gostar ainda mais das motocicletas clássicas .

E quase ia ficando sem um pretexto para escrever sobre o DGR de 2022 , quando um fotógrafo amigo, o Carlos Patrício, voltou da Europa com imagens do DGR que ele participou, na cidade de Sevilha, na Espanha.

Ficamos, então, com uma galeria de imagens do passeio dos espanhóis – que, diga-se de passagem, são alguns dos motociclistas mais fanáticos deste mundo – no último dia 22 de maio.

Em todo o mundo, neste ano de 2022, depois de dois anos com participação restrita devido à pandemia, o DGR reuniu quase cem mil motociclistas , em 803 cidades de 102 países, e arrecadou mais de cinco milhões de dólares destinados a ações sociais.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários