Tamanho do texto

Modelo recebe o design da versão reestilizada em 2016, mas os preços ainda não foram anunciados. Confira mais novidades sobre a Chevrolet

Chevrolet Onix Joy arrow-options
Divulgação
Apesar da renovação no exterior, o Chevrolet Onix Joy não muda por dentro

A Chevrolet se prepara para o lançamento do Novo Onix Sedan, que acontecerá na próxima semana com a estreia de uma plataforma completamente nova. O modelo de entrada Joy, que preservou a dianteira do primeiro Onix lançado em 2012, passa a contar com o estilo das demais versões. Preços ainda não foram divulgados. E nem a data do lançamento do novo Onix hatch.

LEIA MAIS:  Ford faz recall de EcoSport e Ka, informa o Procon-SP

O interior continua sendo o mesmo do Chevrolet Onix Joy atual, com iluminação alaranjada no cluster que remete aos veículos da GM do início da década. Há um novo pacote opcional Black, que escurece detalhes como o acabamento das calotas e o símbolo da Chevrolet - à exemplo dos irmãos Tracker Midnight e Cruze Black Bow Tie.

A central multimídia é paralela e não conta com sistema MyLink. Nada muda na mecânica, onde o Onix Joy continua integrando motor 1.0 capaz de desenvolver 80 cv de potência e 9,8 kgfm de torque, com câmbio manual de seis marchas.

LEIA MAIS: Distância entre Onix e HB20 mostra que existe um espaço vazio no mercado

O bom consumo de combustível fez o Onix Joy se tornar um dos queridinhos dos motoristas de aplicativo. Ele pode marcar 8,8 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada com etanol, além de 12,9 km/l na cidade e 15,3 km/l na estrada com gasolina. As mesmas mudanças devem aparecer no Prisma Joy.

Abrindo espaço

Chevrolet Onix Sedan arrow-options
Divulgação
Apresentado na China, o Chevrolet Onix Sedan será o primeiro modelo com a nova plataforma GEM

As reformulações recentes da Chevrolet têm o fundamento de abrir espaço na gama para a nova linha Onix. O primeiro modelo feito sobre a plataforma GEM (Global Emerging Markets) será o Onix Sedan - restringindo o nome Prisma apenas ao modelo Joy.

Como o novo Onix Sedan será um veículo maior e mais refinado, a Chevrolet também reposicionou os preços do Cobalt - sucesso de vendas diretas. A partir da linha 2020, o sedã passa a ser oferecido apenas nas versões LT e LTZ, partindo de R$ 75.790 sem alterações visuais e mecânicas.

LEIA MAIS: Chevrolet Cruze 2020 ganha retoques no visual e internet embarcada

Com as mudanças, a linha de sedãs 2020 da Chevrolet será composta por Prisma Joy, Cobalt, Onix Sedan e Cruze. Trata-se do maior repertório de sedãs oferecido no Brasil entre as dez maiores marcas, empatado com a Toyota no número de ofertas (que conta com Etios Sedan, Yaris Sedan, Corolla e Camry).