Tamanho do texto

A CRF tem versões com propostas diferentes, mas todas contam com desenvolvimento pensado para o off-road

Honda CRF 450R: Versão padrão com a maior opção de motor
Divulgação
Honda CRF 450R: Versão padrão com a maior opção de motor

Os modelos da linha 2019 do Honda CFR (450X, 450R e 450 RX), focados nas competições de motocross, rali e enduro, chegam com algumas atualizações. Entre as quais, a chegada das novas CRF 250, compostas pelos modelos CRF 250R e CRF 250RX. Segundo a fabricante, as modificações servem para quem deseja uma moto de altíssima especificação para as trilhas de final de semana.

LEIA MAIS: Husqvarna FS 450 para competições é revelada, com foco na boa dinâmica

Entre as novidades da Honda CRF 450R (R$ 44.590), destacam-se um novo chassi e balança de suspensão traseira, para suportar toda a força do motor que ganhou torque e potência máxima. Além de um quilo mais leve que o modelo de 2018, inaugura equipamentos como controle de arrancada, sistema eletrônico de auxílio à largada selecionável em três níveis: lama, iniciante e seco. O motor também permite escolher, por meio de um seletor, entre três níveis diferentes de potência: padrão, leve ou agressivo.

Completam as principais novidades da CRF 450R 2019 um novo guidão ajustável em quatro posições, par de ponteiras de escape mais longas e tanque de combustível em titânio, que auxilia a redução de peso.

Honda CRF 450RX (R$ 44.990)

Honda CRF 450RX: Motocicleta de topo, pensada para mais desempenho no enduro
Divulgação
Honda CRF 450RX: Motocicleta de topo, pensada para mais desempenho no enduro

Mais elaborada para a prática enduro, segundo a fabricante, a cross CRF 450RX deriva diretamente da CRF 450R de motocross. As diferenças se concentram à roda aro 18 polegadas (aro 19 na CRF 450R), tanque de combustível de plástico e com maior capacidade (8,5l contra 6,3l) e cavalete lateral em alumínio forjado.

Como na irmã "R", a CRF 450RX é equipada com um motor monocilindro, controle de arrancada, sistema eletrônico de auxílio à largada selecionável em três níveis: lama, iniciante e seco e três níveis diferentes de potência: padrão, leve ou agressivo. Outro ponto em comum à ambas é o guidão Renthal, os aros de alumínio pretos e o sistema de partida elétrica.

LEIA MAIS: Na lama, mas feliz com a Yamaha TT-R 230

Honda CRF 450X (R$ 44.990)

Honda CRF 450X: Apesar de bastante similar à RX, esta é pensada para um uso mais prolongado nas trilhas
Divulgação
Honda CRF 450X: Apesar de bastante similar à RX, esta é pensada para um uso mais prolongado nas trilhas

Voltada mais ao uso extensivo, traz ventoinhas nos radiadores, o que auxilia na manutenção do equilíbrio térmico e, consequentemente, na confiabilidade. Outro diferencial é o câmbio de seis marchas - ante 5 marchas nas outras duas - e a presença de um conjunto de carenagem com farol e quadro de instrumentos, com velocímetro, dois hodômetros, indicador de consumo instantâneo, médio e autonomia restante.

Honda CRF 250R (R$ 40.590)

CRF 250R: Tem ajuste que privilegia a dinâmica e a transmissão de potência ao solo de maneira mais agressiva
Divulgação
CRF 250R: Tem ajuste que privilegia a dinâmica e a transmissão de potência ao solo de maneira mais agressiva

Traz o motor monocilindro da CRF 250RX e tem ajuste que privilegia a transmissão de potência ao solo de maneira mais agressiva, característica desejável no motocross . Além disso, o acerto das suspensões Showa é mais rígido que na CRF 250RX, assim como a roda traseira é de 19 polegadas (18 polegadas na CRF 250RX). Um diferencial particular na Honda CRF 250R é o tanque de menor capacidade (6,3l) feito em titânio, o que faz dela a mais leve da família: apenas 108 kg com todos os fluidos.

LEIA MAIS: Uma semana de Yamaha 150 Crosser pela Estrada Real

Honda CRF 250RX (R$ 43.590)

Honda CRF 250RX: Pode-se dizer que é idêntica à
Divulgação
Honda CRF 250RX: Pode-se dizer que é idêntica à "irmã" 250R, mas é mais sutil na dirigibilidade, segundo a marca

Derivada da CRF 250R de motocross, a CRF 250RX utiliza o mesmo chassi e motor, que a R, entretanto, tem acerto diferente, que resulta em respostas menos agressivas ao acelerador. Como nas Honda CRF 450R e CRF 450RX, também estão presentes na Honda CRF 250RX o controle de arrancada, sistema eletrônico de auxílio à largada selecionável em três níveis: lama, iniciante e seco e três níveis diferentes de potência: padrão, leve ou agressivo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.