Suzuki Katana conta com motor da GSX-R1000 WSB de 200 cv entre os principais destaques
Divulgação
Suzuki Katana conta com motor da GSX-R1000 WSB de 200 cv entre os principais destaques

Baseado no motor de corrida da  GSX-R1000 de 2008, a Team Classic Suzuki sob a supervisão de Nathan Colombi resolveu criar uma moto exclusiva e ainda mais potente.

A super bike extrai agora 200 cv (15 cv a mais) de seu poderoso motor de quatro cilindros e 999 cc , 16 válvulas , comando duplo no cabeçote (DOHC) , com arrefecimento líquido, usado pela equipe Alstare durante a época de 2008.

Aliás essa unidade conta com pistões forjados  de alumínio, eixos de comando ocos, tudo em nome da leveza do conjunto. Para manter a "pilotagem gerenciável", a parte eletrônica vem como um kit Yoshimura EM Pro ECU e tear.

Você viu?

Embora as dimensões sejam as mesmas da GSX-R1000 K8 de pista , na Katana há um braço oscilante superdimensionado e sobrechassi personalizado da Alpha Performance Fabrications, ambos projetados para facilitar uma configuração de choque duplo que homenageia o Katana original. A suspensão é cortesia de Öhlins.

As rodas Dymag CH3 também mantêm uma aparência clássica e são as mesmas rodas encontradas nas réplicas XR69 da Team Classic Suzuki.  Nelas estão montados os discos Brembo, com pinças também da empresa italiana. 

A pinça traseira se encaixa discretamente entre o braço oscilante e a roda para uma aparência mais limpa na extremidade traseira. Novos conjuntos traseiros de alumínio foram projetados internamente.

Completando os itens que fazem parte da moto, destaca-se um novo assento do fornecedor italiano Race Seats que possui um acabamento com o logotipo Katana. O tradicional logotipo vermelho da Suzuki do Katanas original ainda adorna o tanque, enquanto um logotipo da Team Classic Suzuki completa a unidade do assento, novamente no vermelho tradicional.

A Team Classic Suzuki tem uma longa história de sucesso com a Katana, incluindo uma vitória na classe no campeonato European Endurance Classic em Oschersleben, na Alemanha.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários