Para a Titan, a linha 2022 ganhou três novas cores: cinza metálico, vermelho perolizado e amarelo perolizado
Divulgação
Para a Titan, a linha 2022 ganhou três novas cores: cinza metálico, vermelho perolizado e amarelo perolizado

Desde que a Honda CG começou a ser fabricada no Brasil, mais de 13 milhões de unidades do modelo saíram das linhas de produção da fábrica da Honda em Manaus (AM). Uma incomparável história de sucesso, que confirma o acerto de decisões tomadas há quase meio século atrás, quando a Honda optou por produzir localmente em vez de apenas importar suas motos para o mercado brasileiro.

Presente no país como importadora desde 1971, em cinco anos de Brasil, a Honda percebeu que era possível produzir localmente em vez de apenas importar suas motos. Assim começou a fabricação da Honda CG 125 , considerada pela marca a líder de mercado e a preferida entre todas as motocicletas vendidas no Brasil.

Oferecida em quatro versões, Start, Titan, Fan e Cargo , para 2022 as versões se mantêm. A CG 160 Start , por exemplo ganhou novo design na moldura do painel de instrumentos e na carenagem frontal, com três opções de cores: prata metálico, vermelho e preto.

A CG 160 Fan e a CG Cargo também receberam nova moldura de painel, nova carenagem de farol e laterais do tanque redesenhadas interna e externamente. Para a Cargo , a opção de cor é única, o branco , enquanto que para a Fan as opções de cores são três: azul perolizado, vermelho e preto.

A CG 160 Titan , recebeu também uma nova moldura do painel, nova carenagem de farol e de laterais do tanque, exclusivas do modelo, além de rabeta com laterais redesenhadas. A CG Titan 2022 também chega com três opções de cores: cinza metálico, vermelho perolizado e amarelo perolizado.

O motor monocilindro 4 tempos com sistema de comando de válvula no cabeçote OHC (Over Head Camshaft) é comum às versões Cargo, Fan e Titan. Tem exatos 162,7 cm3 , e gera a potência máxima de 15,1 cv (etanol) e 14,9 cv (gasolina) a 8.000 rpm . O torque máximo é de 1,54 kgfm (etanol) e 1,40 kgfm (gasolina), a 7.000 rpm.

Você viu?

O sistema de alimentação por injeção eletrônica PGM-FI incorpora a tecnologia FlexOne (Fan, Cargo e Titan), que admite uso de etanol e gasolina em proporções diferentes. Na CG 160 Start o sistema PGM-FI admite apenas o uso de gasolina no motor, que mantém as mesmas características de potência e torque dos modelos FlexOne quando alimentados com este tipo de combustível.

A linha Honda CG 2022 está disponível nas concessionárias Honda com preços públicos sugeridos de:

Honda CG 160 Start: R$ 10.520

Honda CG 160 Fan: R$ 11.760

Honda CG 160 Cargo: R$11.900

Honda CG 160 Titan: R$ 13.040.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários