Harley-Davidson LiveWire One: nova versão mais em conta começará a ser vendida em 2022 nos EUA
Divulgação
Harley-Davidson LiveWire One: nova versão mais em conta começará a ser vendida em 2022 nos EUA

A Harley-Davidson resolve lançar uma versão mais em conta da moto elétrica LiveWire para tentar aumentar o volume de vendas do modelo. Com a nova One, a marca apenas mantém o mesmo motor de 106 cv e 11,9 kgfm de torque da versão mais cara, o que significa que a novidade continua com o bom desempenho que inclui uma aceleração de 0 a 100 km/h em meros 3 segundos, conforme a fabricante.

Ainda de acordo com a Harley-Davidson , a LiveWire One tem autonomia de até 235 quilômetros na cidade e de 153 km no uso combinado (cidade/estrada).

A marca americana também diz que a nova moto elétrica é capaz de atingir 177 km/h de máxima. Outro dado interessante é que é possível fazer uma recarga com 80% da capacidade entre 40 e 45 minutos.

Em relação à versão superior da LiveWire a nova One tem outros pontos em comum, entre os quais a parte de suspensão dianteira Showa com garfo invertido, amortecedor único na traseira e rodas de liga leve de 17 polegadas. Os freios são da marca Brembo, tendo disco duplo na dianteira e único na traseira. Conforme a Harley-Davidson , a moto pesa 235 kg.

A grande diferença de preço entre a One e a outra versão da LiveWire deverá aumentar bastante o interesse pela moto elétrica, pelo menos é o que espera a Harley-Davidson.

São exatos R$ 42 mil entre ambas. A Harley-Davidson Live Wire One estará disponível a partir de 2022, com preço sugerido de US$ 21.999 (R$ 115.710), ante US$ 30 mil (R$ 157.794) da versão mais cara.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários