Tamanho do texto

A Infiniti, subdivisão premium da Nissan, não revela nem o nome do protótipo, mas fala que será prazeroso ao dirigir

Infiniti sedã conceitual: a marca mantém a surpresa e não revela muito da estética, que parece ser futurista
Divulgação
Infiniti sedã conceitual: a marca mantém a surpresa e não revela muito da estética, que parece ser futurista

A Infiniti, subdivisão premium da Nissan, divulga o teaser de seu novo sedã conceitual. O objetivo da marca é utilizar o desenvolvimento de engenharia e design desse carro para inspirar o restante da linha, de modo a modernizar os outros modelos, mas sem deixar para trás a identidade que faz da Infiniti uma montadora consagrada no mercado dos Estados Unidos. Nenhuma especificação técnica e detalhes tanto sobre a mecânica quanto a estética serão revelados antes do Salão de Detroit.

LEIA MAIS: Nissan Vmotion 2.0 antecipa como será a nova geração do sedã Sentra

Segundo o diretor executivo de design da Infiniti , Karim Habib, o carro terá filosofia mais inteligente, pois ganhará praticidade com a adoção de uma carroceria mais compacta, bem como terá mais personalidade e contará com conjuntos e equipamentos menos intrusivos, o que será responsável por aprimorar o prazer ao dirigir. Um dos conjuntos a que se refere é o motor, que agora terá a tecnologia de compressão variável, bastante eficiente para a redução nos níveis de ruídos e emissões de poluentes, assim como aprimorar a autonomia e o desempenho.

LEIA MAIS: Toyota mostra teaser do novo Avalon, sedã maior e mais luxuoso do que o Camry

Conceituais da Nissan, divisão padrão da Infiniti

Nissan Vmotion 2.0: É descrito pela marca como um “conceito que aponta o rumo do design para os novos modelos sedãs”
Divulgação/Newspress
Nissan Vmotion 2.0: É descrito pela marca como um “conceito que aponta o rumo do design para os novos modelos sedãs”

A Nissan desenvolveu este ano um carro conceitual com tecnologia de direção autônoma, ou seja, sem a necessidade de ser conduzido por pessoas. Nomeado de Vmotion 2.0 e descrito pela marca como um “conceito que aponta o rumo do design para os novos modelos sedãs”, o carro mede 4,86 metros de comprimento, com 2,85 m de entre-eixos. É o mesmo comprimento que o sedã grande da linha (o Altima), embora tenha um entre-eixos ainda maior. Por ter uma distância menor das caixas de rodas até suas extremidades, o Vmotion 2.0 tem mais adereços esportivos que os sedãs da marca.

LEIA MAIS: Volkswagen revela esboço da nova geração do  sedã médio Jetta

Indo além, todo o desenho é montado sobre a assinatura V-motion, caracterizada pela forma em “V” na frente dos veículos, como na área cromada em volta da grade ou pelos vincos do para-choque e capô. No conceito, os designers tentaram criar um formato tridimensional sobre esse tema. Há vincos nas laterais, que mantêm as linhas bem angulares por toda a carroceria. A própria peça cromada em V da grade forma uma linha que se estende pelo capô. Se a Infiniti é a marca premium da Nissan (que já cria carros autônomos), imagine a tecnologia que a primeira terá em seu sedã conceitual.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.