Tamanho do texto

Utilitário deverá ser mostrado no Salão do Automóvel, em novembro e chega ao País em 2019. Saiba mais detalhes da novidade

Mercedes Classe X roda no Brasil, prestes a ser lançada no País para rivalizar com as picapes médias de luxo
Pedro Gado
Mercedes Classe X roda no Brasil, prestes a ser lançada no País para rivalizar com as picapes médias de luxo

São feitos os últimos ajustes para lançar a picape Mercedes Classe X  no Brasil no ano que vem. O leitor de iG Carros, Pedro Gado, flagrou o utilitário com disfarces e placas verdes de testes de fábrica rodando em São Paulo, na região do ABC paulista. Antes de chegar às lojas, no segundo semestre de 2019, o modelo deverá ser apresentado ao público no Salão do Automóvel, no São Paulo Expo, entre 9 e 18 de novembro.

LEIA MAIS: Depois da guerra dos SUVs, vem aí a batalha das picapes no Brasil

A picape Mercedes Classe X é feita com base nos modelos Renault Alaskan e Nissan Frontier. Trata-se da primeira picape média da história da fabricante alemã. Na comparação com as versões da marcas francesas, o utilitário da estrela de três pontas será detalhes um pouco mais sofisticados. E será vendida em três opcões: Pure, Progressive e Power, a topo de linha.

Entre outros itens, sabe-se que todas as versões serao equipadas com iluminação na caçamba, que também contará com tomadas de 12V para ligar acessórios, entre os quais compressores de ar e aparelhos de som, por exemplo. Outro detalhe interessante é que o para-choque traseiro poderá ser removido para que a tampa da caçamba abra em um ângulo de 180°, facilitando as operações de carga e descarga.

 LEIA MAIS: Picape Renault Alaskan já aparece sem nenhum disfarce no Brasil

Força de sobra

Mercedes Classe X terá estilo próprio embora tenha alguns itens em comum com os modelos da Nissan e Renault
Divulgação
Mercedes Classe X terá estilo próprio embora tenha alguns itens em comum com os modelos da Nissan e Renault

 Já se sabe que a Mercedes Classe X será oferecida com motor 2.3, turbodiesel, de 163 cv (X 220d) e de 190  As primeiras unidades da Classe X serão fabricadas com motor 2.3, turbodiesel, de 163 cv (X 220d) e de 190 cv ( X250d). Haverá, ainda, a versão X 200d, com 165 cv e a X 350d, com um V6 de 258 cv e nadas desprezíveis 56 kgfm de torque. Também já está certo que, dependendo da versão, o sistema de transmissão pode incluir câmbio manual de seis marchas, ou automático de sete, ou ainda tração traseira ou integral

Não é por que exibe a estrela de três pontas na grade dianteira que a Classe X vai fugir de trabalho pesado, diz a fabricante. Pode carregar 1,2 tonelada e rebocar até 3,4 toneladas, o que é suficiente para levar um trailer. A distância livre do solo é de 20,2 cm, o ângulo de ataque é de 30.1°e o de saída 25.9°, o que torna o utilitáruio capaz de enfrentar obstáculos em trechos de terra, o que inckui trilhas de até média dificuldade. 

LEIA MAIS: Mercedes Classe X também chegará ao Brasil na versão customizada da Brabus

Na Europa, a Mercedes Classe X comeca a ser vendida em novembro pelo preço sugerido que parte de 37.294 euros (o que equivale a cerca de R$ 165 mil numa conversão simples). No Brasil, chega apenas no fim de 2019, vinda da Argentina, onde começará a ser produzida no fim do ano que vem

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.