Tamanho do texto

Modelo terá menos de 4 metros e poderá ter versões híbridas elétricas em alguns mercados. Saiba mais detalhes sobre a novidade

Mini SUV da Jeep será menor que o Renegade, que aparece em versão conceitual na imagem acima, com acessórios Mopar
Divulgação
Mini SUV da Jeep será menor que o Renegade, que aparece em versão conceitual na imagem acima, com acessórios Mopar

Tudo indica que uma onda de mini SUVs vai chegar logo ao mercado global. Depois dos compactos, será a vez dos modelos com menos de 4 metros de comprimento começarem a aparecer um atrás do outro. Pelo menos três marcas já preparam carros desse segmento. Além da Hyundai e da Volkswagen, o diretor geral da Jeep, Kevin Flyn, disse ao site Business Standard, que o novo mini SUV da Jeep está a caminho.

LEIA MAIS: Jeep avança na trilha dos SUVs no Brasil. Saiba o que virá por aí

Ainda de acordo com a publicação,  o mini SUV da Jeep é um carro  completamente novo e que será o modelo mais e conta da Jeep.  Também sabe-se que a novidade poderá ser equipada com os menores motores que a FCA tem disponível no mundo, o que inclui os novos FireFly, inclusive os sobrealimentados que logo deverão ser oferecidos no Brasil.

No conjunto mecânico, espera-se também que o mini SUV da Jeep possa vir com câmbio manual ou automático, depedendo da versão. Como será lançado em 2020, quando as questões de eficiência energética e emissões estarão ainda mais em voga, a nova arquitetura do utilitário esportivo menor que o Renegade terá que receber sistemas híbridos e elétricos. E apesar de ser pequeno, o carro contará com versões 4x4.

Além do mini SUV da Jeep

VW Taigun é o protótipo do T-Track, que poderá concorrer com o mini SUV da Jeep, entre outros
Divulgação
VW Taigun é o protótipo do T-Track, que poderá concorrer com o mini SUV da Jeep, entre outros

 A Hyundai também tem na manga um mini SUV, que será menor que o Creta. Vai ter desenho baseado no protótipo Carlino, que foi mostrado no Salão de Nova Deli (Índia), em 2016.  O novo modelo será feito sobre uma nova plataforma e o conjunto mecânico terá diversas opções, de acordo com cada país em que o carro será vendido. Os motores disponíveis deverão render entre 100 e 120 cv. E poderão funcionar em conjunto com câmbio manual de 5 ou 6 marchas e automatizado, com dupla embreagem e 7 marchas.

LEIA MAIS: Flagra!SUV da Hyundai menor que o Creta é visto de novo em testes

Ainda não há informações sobre a disponibilidade do sistema de tração integral. No Brasil, a Hyundai poderia oferecer pelo menos uma versão 4x4 como fazem as principais marcas concorrentes com modelos como Ford EcoSport Storm e Jeep Renegade 4x4. Mas isso ainda terá que ser definido mais adiante pela marca coreana.

A Volkswagen é outra marca que poderá ter um mini SUV, o VW T-Track, modelo menor que o T-Cross. O novo mini SUV pode vir a ser fabricado no Paraná, sobre a mesma base MQB, mas inédito, com características que mais de encaixam à situação e ao gosto do mercado brasileiro. Ou seja, pode ser o SUV menor que o T-Cross, uma ideia materializada pelo protótipo Taigun, que chegou a ser mostrado no Salão do Automóvel de 2012, foi engavetado e pode voltar à tona. 

LEIA MAIS: Volkswagen do Brasil quer voltar a ter projetos próprios e inéditos no País

Porém, o  projeto original do Taigun deverá passar por algumas alterações. Já começa com a parte estrutural, cuja arquitetura deve deixar de ser a NSF (a do Up!) e passar a ser a MQB (a mesma do Polo). Além disso, o carro poderá ter novo tamanho. As apostas recaem para algo um pouco menor que 4 metros. E apesar de pequeno, a estatégia do novo SUV é de oferecer tecnologias já presentes na dupla Polo e Virtus, como o cluster digital e configurável e motores sobrealimentados. Deverá ser um forte concorrente do novo mini SUV da Jeep .

Fonte: Business Standard

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.