Tamanho do texto

Com fortes inspirações nos irmãos maiores, modelo será lançado até 2020

Peugeot 2008 também terá características da nova geração do 208 do Salão de Genebra (Suíça)
Kleber Pinho da Silva
Peugeot 2008 também terá características da nova geração do 208 do Salão de Genebra (Suíça)

O designer Kleber Pinho da Silva se inspirou nas linhas do novo 208 que será revelado em detalhes no Salão de Genebra (Suíça) para criar a projeção do futuro SUV Peugeot 2008. De acordo com o site Carscoops, o modelo oficial que já é visto circulando pelas ruas europeias desde 2018 deverá ser lançado entre o fim do ano e o início de 2020.

LEIA MAIS: Volkswagen terá novo SUV abaixo do compacto T-Cross

Com fortes influências dos irmãos 3008 e 5008, o novo Peugeot 2008 terá aparência muito mais premium que o modelo atual. Podemos esperar por lanternas com três acentuações em LED, uma grande grade dianteira texturizada e pacote de customização de cores. Por dentro, é possível que integre várias das mudanças apresentadas no compacto 208, com teclas em padrão “piano”, acabamento premium e comandos do ar-condicionado integrados à central multimídia.

LEIA MAIS: Novo SUV Renault Arkana aparece em patentes no Brasil

Dificilmente a Peugeot ficaria de fora do segmento que mais cresce no Brasil. Portanto, podemos esperar que o novo 2008 seja fabricado no continente - em El Palomar, na Argentina, ou nas dependências de Porto Real (RJ).

Peugeot 2008 enfrentará mares tempestuósos

Irmão maior do Peugeot 2008, o SUV de sete lugares 5008 foi o último lançamento da marca no Brasil
Divulgação
Irmão maior do Peugeot 2008, o SUV de sete lugares 5008 foi o último lançamento da marca no Brasil

Mesmo crescendo globalmente, a situação do Grupo PSA é delicada na América Latina. De acordo com a Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos), tanto Peugeot quanto Citroën perderam espaço de mercado brasileiro. Ainda de acordo com a entidade, a Peugeot caiu das 26.855 unidades emplacadas em 2017 para 23.674 em 2018. A Citroën foi de 22.556 emplacamentos para apenas 20.336. Essa queda surge no contraste de um crescimento de 13,7% em 2018 do mercado como um todo.

LEIA MAIS: Renault Kwid com retoques no desenho aparece antes da estreia

A Argentina é o mercado mais importante da PSA na América Latina. Por lá, a Peugeot fechou 2018 na sétima colocação (61.168 unidades vendidas) enquanto a Citroën (27.604) surge logo abaixo, em oitavo.

A forte crise que afeta o país, entretanto, pode ser um empecilho. Foram apenas 58.017 unidades comercializadas em janeiro, mostrando melhorias após um fraco volume de emplacamentos em 2018 (802 mil unidadades e as projeções para 2019 apontam entre 600 mil e 650 mil). Na comparação entre janeiro último e o mesmo mês do ano passado, o volume de vendas caiu pela metade. Resta saber se os rumos econômicos de ambos os países irão afetar a produção do Peugeot 2008 renovado por aqui.

Projeção:  Kleber Pinho da Silva

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.