Renault Sandero arrow-options
Projeção/Kleber Silva
Renault Sandero da nova geração vai ficar com detalhes que lembram a versão renovada do Kwid, já disponível em alguns mercados

Já está na hora do Sandero mudar de geração. Na Europa, o modelo é fabricado com o logo da marca romena Dacia, controlada pela Renault. Por lá, o carro teve mudanças mais significativas em 2012 e uma reestilização em 2017. Portanto, três anos depois, o mercado europeu verá primeiramente as versões MK3 do hatch junto com o novo Logan, entre o fim deste ano e o início de 2021.

LEIA MAIS: Renault Sandero Zen 1.0: um hatch compacto discreto até nas mudanças

O site americano Carscoops chegou a fotografar a nova geração do Dacia Logan em testes no sul da Europa, ainda com camuflagem pesada, mas que deixou claro que terá medidas bem próximas do atual. As mudanças no Renault Sandero e no Logan ficarão por conta das linhas externas, que pela projeção do designer Kleber Silva vão seguir o estilo da versão renovada do subcompacto Kwid . Porém a dupla Sandero e Logan ficará mais elegante, deixando de vez o rótulo de carros rústicos, como eram na primeira geração.

Renault Sandero arrow-options
Projeção/Kleber Silva
Traseira do novo Renault Sandero deverá ficar com aspecto mais esportivo e elegante, deixando o carro mais sofisticado

Claro que, além da carroceria, o interior também será novo. Entre as mudanças, espera-se a nova central multimídia com tela de 8 polegadas que passou a ser usada no Duster renovado que acaba de chegar ao Brasil. Painel, volante e outros componentes também devem mudar, passando a ficar mais modernos e caprichados.

LEIA MAIS: Confira as primeiras impressões ao volante do novo Renault Duster

Bom também é que a nova base CMF-B vai tornar possível a chegada de versões híbridas pela primeira vez na história da dupla Renault Sandero e Logan. Pelo menos na Europa, o sedã poderá vir com motor 1.6 funcionando em conjunto com outro elétrico. No Brasil, onde ambos não deverão chegar antes de 2022, uma das novidades ficará por conta do motor 1.3 desenvolvido em parceria com a Mercedes.

Projeções: Kleber Silva

    Veja Também

      Mostrar mais