Tamanho do texto

Briga de SUVs mais caprichados mostra dois dos melhores modelos da categoria com os itens mais sofisticados disponíveis pelas fabricantes

Hyundai Creta e Honda HR-V
Nicolas Tavares/iG
Hyundai Creta e Honda HR-V

O momento atual é dos SUVs compactos, não apenas no Brasil, mas em outros países do mundo. E na variedade de modelos disponíveis, temos dois que se destacam quando o assunto é qualidade: Hyundai Creta e Honda HR-V. Ambos se enfrentam nesse comparativo, equipados até os dentes,aproveitando a chegada da nova versão topo de linha Touring do carro da marca japonesa. Os dois têm estilo moderno, boa lista de equipamentos, amplo espaço, entre outros atributos e travaram uma briga acirrada.

LEIA MAIS: Hyundai Creta surpreende pelo conforto e desempenho com motor 1.6

No caso do Honda, as novidades começam com os faróis e lanternas com LED no lugar das lâmpadas convencionais. Há também novos cromados para enfeitar a carroceria, bem como sensores nos para-choques traseiros que ajudam nas manobras e acionam os limpadores de para-brisa e faróis automaticamente. Por dentro, o SUV ganhou espelho retrovisor eletrocrômico e airbags de cortina, equipamentos que contribuem com a segurança. E o Hyundai é um modelo recém-lançado.

Mas isso não foi o suficiente para bater as qualidades do Hyundai, que sai com a vitória nessa briga não apenas pelos detalhes que vamos descrever logo a seguir, mas também pela melhor relação entre custo e benefício. Tem preço sugerido de R$ 99.490, ante R$ 105.900 do Honda, o que representa uma diferença de R$ 6.410 a favor do modelo da marca coreana. Além de mais em conta, o Creta também tem melhor desempenho que o HR-V, com uma relação entre peso e potência mais favorável: 8,4 kg/cv ante 9,1 kg/cv. Estamos falando de um motor 1.8, de 140 cv, do Honda, ante um 2.0 de 166 cv, do Hyundai, que conta com câmbio automático de seis marchas, mais esperto que o CVT do rival.

LEIA MAIS: Por que o Honda HR-V é líder de vendas? Confira na avaliação completa

Não é apenas na hora de acelerar que o Creta se sai melhor que o HR-V. A suspensão se mostra mais bem acertada, assim como a estrutura com melhor rigidez torcional, o que ajuda na estabilidade nas curvas. Ambos são carros que transmitem segurança em movimento, mas o rodar do Hyundai é mais silencioso e confortável. Consegue absorver bem as irregularidades do piso e não apresenta nenhum tipo de rangido, ou barulho incômodo por causa de peças mal encaixadas ou algo do gênero. Outra ligeira vantagem do Creta é a distância livre do solo um pouco maior (19 cm ante 17,7 cm do HR-V), o que fica mais de acordo com a proposta de utilitário esportivo e facilita passar por obstáculos como valetas e lombadas.

Conforto, espaço e estilo

Hyundai Creta versus Honda HR-V
Nicolas Tavares/iG
Hyundai Creta versus Honda HR-V


Os dois vêm com direção elétrica, o que ajuda nas manobras de estacionamento por deixarem o volante bem leve em baixa velocidade. E têm volantes revestidos de couro, com boa empunhadura e multifuncionais, com os principais comandos do sistema de som, do controlador de velocidade de cruzeiro (“piloto automático”) e da conexão do celular via Bluetooth. Ambos também contam com ar-condicionado digital (com regulagem de meio em meio grau) e espelhos retrovisores com rebatimento automático. Mas o sistema multimídia do Creta tem tela com melhor resolução e é mais prático de ser usado no dia a dia. Além disso, o Hyundai vem com bancos mais confortáveis, revestidos de couro perfurado. O do motorista pode até contar com ventilação controlada por um botão no console central.

Uma das únicas vantagens do HR-V na comparação com o Creta fica por conta dos freios a disco no eixo traseiro, o que tornou possível o emprego do sistema elétrico para estacionamento, que é mais eficiente e ocupa menos espaço interno que a tradicional alavanca do Hyundai. Em contrapartida, na questão de espaço, os dois se equivalem, com uma vantagem desprezível para o Honda, que tem distância entre-eixos de 2,61 metros (ante 2,59 m do Hyundai) e porta-malas de 437 litros (contra 431 litros do Creta). E como a pegada do HR-V não tem muita relação com esportividade, o consumo do Honda é ligeiramente menor, conforme os dados do Inmetro. Com gasolina, o HR-V faz 10,5 km/l na cidade e 12,1 km/l na estrada, ante 10 km/l e 11,4 km/l do Creta, respectivamente.

LEIA MAIS:   Honda WR-V, HR-V e CR-V. Entenda as diferenças entre os três aventureiros

Embora os dois sejam SUVs modernos, o Honda acaba tendo linhas um pouco mais arrojadas, com detalhes como vincos laterais mais pronunciados e maçanetas das portas traseiras embutidas nas colunas. O Hyundai tem projeto mais novo, mas acabou tendo um desenho um tanto conservador, embora funcional, já que conta com ampla área envidraçada e bom ângulo de visão pelos retrovisores e até luzes laterais que ajudam a iluminar as curvas ao girar o volante em baixa velocidade. Tanto o HR-V quanto o Creta vêm com belas rodas de aro 17, mas no Honda os pneus têm perfil discretamente mais baixos (215/55R 17 ante 215/60R 17 do Hyundai).

Conclusão


No cômputo geral, o Hyundai Creta sai vitorioso não apenas pela relação entre custo e benefício, mas pelo acerto um pouco melhor do conjunto por uma pequena margem de vantagem. Além disso, na prática, é tão espaçoso quanto do Honda HR-V e ainda consegue enfrentar obstáculos pelo caminho com mais valentia, seguindo a proposta de um SUV de verdade. Entre prós e contras, o modelo da marca japonea tem o estilo mais arrojado como uma das únicas vantagens na comparação com o concorrente. 

Ficha técnica - Honda HR-V Touring 1.8

Preço:  a partir de R$ 105.900

Motor: 1.8, quatro cilindros,  flex

Potência: 140 cv a 6.300 rpm

Torque: 17,4 kgfm a  5.000 rpm

Transmissão:  Automático, CVT, tração dianteira

Suspensão:Independente (dianteira) e eixo de torção (traseira)

Freios: Discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira

Pneus: 215/55 R17 

Dimensões: 4,29 m (comprimento) / 1,77 m (largura) / 1,59 m (altura), 2,61 m (entre-eixos)

Tanque : 51 litros

Porta-malas: 437 litros

Consumo: 10,5 km/l (cidade) /12,1 km/l (estrada) com gasolina

0 a 100 km/h: 11 segundos 

Vel. Max: 175 km/h

Ficha técnica - Hyundai Creta Prestige 2.0

Preço:  a partir de R$ 99.490

Motor: 2.0, quatro cilindros,  flex

Potência: 166 cv a 6.200 rpm

Torque: 20,5 kgfm a  4.700 rpm

Transmissão:  Automático, 6 marchas, tração dianteira

Suspensão:Independente (dianteira) e eixo de torção (traseira)

Freios: Discos ventilados na dianteira e tambores na traseira

Pneus: 215/60 R17 

Dimensões: 4,27 m (comprimento) / 1,78 m (largura) / 1,63 m (altura), 2,59 m (entre-eixos)

Tanque : 55 litros

Porta-malas: 431 litros

Consumo: 10 km/l (cidade) /11,4 km/l (estrada) com gasolina

0 a 100 km/h: 9,7 segundos 

Vel. Max: 188 km/h

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.