Tamanho do texto

Nova versão da picape tem poucas novidades. Assim como outras versões da linha 2020, há anteparo no para-choque e nova central multimídia

Fiat Toro cinza arrow-options
Caue Lira/iG
Fiat Toro Endurance 4x4: rodas pretas, detalhes escurecidos e anteparo no para-choque dianteiro como novidades

A Fiat Toro é um sucesso de vendas e em time que está vencendo não de mexe, pelo menos, não muito.  Entre as poucas novidades da linha 2020 da picape está a versão Endurance, que a reportagem de iG Carros avaliou com motor a diesel e câmbio automático de seis marchas.

LEIA MAIS: Fiat Toro Blackjack: o lado negro da força. Confira avaliação

Com preço sugerido que parte de R$ 131.990, a Fiat Toro Endurance TD 4x4 tem o conjunto mecânico entre seus principais trunfos. O motor 2.0 turbodiesel rende bem desde as primeiras marcações do contagiros, o que dá agilidade ao carro com certa economia de combustível. Mas uma das únicas boas surpresas nessa linha 2020 foi a central multimídia.

Agora a tela passou de 5 para 7 polegadas e está bem melhor. Não apenas porque é capacitiva, de alta resolução, mas também por causa da maior velocidade de processamento e de ser compatível com Apple Car Play e Android Auto. No dia a dia, fica claro que seu funcionamento ficou mais intuitivo e agradável de usar.

Mas além da central multimídia quase não se nota mudanças na Toro, picape que foi lançada há mais de três anos e que ainda não teve rivais com potencial de ameaçar a liderança nas vendas do segmento. No caso da versão avaliada, as rodas pintadas de preto e uma série de escurecidos também fazem parte das poucas novidades. 

LEIA MAIS: Fiat Toro é a melhor ideia da década. Veja a análise completa

Com pintura cinza chumbo, combinaram as partes escurecidas, como maçanetas das portas, molduras das janelas, retrovisores e frisos laterais. Até as lentes dos faróis e lanternas ficaram fumês para completar a novo visual.

Porém, embora seja estilosa, a picape não é das mais práticas para enfrentar as vagas apertadas de shoppings e condomínios não apenas por causa do tamanho (4,94 m de comprimento por 1,84 m de largura), mas também pelo raio de giro maior que o ideal (12,9 m, mais que os 10,7 m da rival Renault Oroch, por enquanto, a única rival direta).

Portanto, prepare-se para manobras mais longas em estacionamentos apertados, indo para frente e para trás, até conseguir chegar no ponto desejado. Em contrapartida, há bom espaço interno para levar cinco ocupantes e 820 litros de bagagem na caçamba com aquela porta bipartida abertas para os lados, que pode ser diferente, mas limita a largura da carga.

 Ao volante da Fiat Toro Endurance TD 4x4

Fiat Toro painel arrow-options
Divulgação
Fiat Toro 2020 tem entre os destaques do interior a nova central multimídia com tela capacitiva, de 7 polegadas

Andando tanto na cidade quanto na estrada, outro ponto em que a Toro 2020 evoluiu mesmo foi no acerto da suspensão, que foi recalibrada. Conseguiram atingir o melhor dos dois mundos, ou seja, mais absorção das irregularidades do piso mantendo a boa estabilidade nas curvas. Então, palmas para a engenharia da FCA nesse aspecto. 

A agilidade nas ultrapassagens também é elogiável na Toro Endurance TD 4x4. São nada desprezíveis 35,7 kgfm de torque a meros 1.750 rpm, força para acelerar de 0 a 100 km/h em 10 s. Com bom vão livre do solo (20,2 cm), a picape encara fácil valetas e lombadas. E o motor a diesel faz certa cerimônia em consumir combustível. São 10km/l na cidade e 12,6 km/l na estada, segundo o Inmetro. 

LEIA MAIS: Fiat lança linha 2020 da Toro com novas versões, entre outras novidades


Faltaram os freios traseiros a disco no lugar dos tambores, o que evita fadiga em trechos de serra, por exemplo, quando o sistema passa a ser mais exigido. Também sentimos falta de porta-objetos mais práticos e espaçosos no interior, itens que podem mudar assim que a concorrência ficar mais acirrada.

Conclusão

  Na linha 2020, a Fiat Toro ganha a versão Endurance TD 4x4 com uma bela central multimídia, suspensão bem acertada e estilo arrojado. Mas a picape ainda precisa evoluir mais em alguns aspectos, algo que deverá acontecer com a chegada de rivais da GM, Ford, Hyundai, entre outras fabricantes, nos próximos anos. 

Ficha Técnica

Preço:  R$ 131.990

Motor: 2.0, 16V, quatro cilindros em linha,  turbodiesel

Potência:  170 cv  a 3.750 rpm

Torque: 35,7 kgfm a 1.750 rpm

Transmissão: Automática, de nove marchas, tração integral

Suspensão: Independente, McPherson (dianteira)/ Independente, multibraço (traseira)

Freios: Discos ventilados (dianteiros) / tambores (traseiros)

Pneus: 225/65 R17

Dimensões: 4,91 m (comprimento) / 1,84 m (largura) / 1,68 m (altura), 2,99 m (entre-eixos)

Tanque : 60 litros

Caçamba: 802 litros

Consumo : 10 km/l (cidade) e 12,6 km/l (estrada)