Esportivo de 600 cv recebeu reforço na estrutura e melhoria na aerodinâmica para ir de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos

O Nissan GT-R já é um monstro por si só, em sua versão convencional. E ainda assim pode melhorar, como a marca quer provar com o lançamento do GT-R Nismo . O esportivo de 600 cv ganhou mudanças na estrutura e aerodinâmica para ficar ainda mais rápido. Quão rápido? Vai de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos, e deve passar dos 300 km/h.

O motor não foi o foco da atualização, motivo pelo qual o impressionante 3.8 V6 biturbo continua a gerar 600 cv e 49 kgfm de torque. Os engenheiros trabalharam para reforçar o chassi e a carroceria do GT-R . O capô, por exemplo, agora é capaz de suportar a força do vento em alta velocidade, impedindo mudanças na aerodinâmica causdas por uma deformação.

Como todo modelo Nismo , passa a contar com algumas melhorias vindas do bodykit diferenciado. O para-choque dianteiro, com plástico reforçado com fibra de carbono, direciona o ar ao redor das rodas dianteiras. Ajuda tanto que a Nissan diz que é o carro de produção que mais gera downforce da atualidade. Todo o conjunto da suspensão foi reajustado, desde as molas até as barras estabilizadoras e amortecedores.

Infelizmente, a chance do modelo chegar ao Brasil é praticamente nula. Pelo menos teremos o GT-R normal, como foi confirmado no ano passado pelo presidente da Nissan para a América Latina, José Luis Valls. A previsão é que chegue ainda em 2016, embora não digam exatamente em que mês e quanto deve custar, mas não duvide que seja uma das estrelas da marca no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.