Tamanho do texto

Ainda não há previsão de chegada do modelo no Brasil com as mudanças. Nas EUA, as vendas começam no fim do ano

Chevrolet Cruze: frente com estilo mais esportivo inclui aberturas de ar maiores e para-choque redesenhado
Divulgação
Chevrolet Cruze: frente com estilo mais esportivo inclui aberturas de ar maiores e para-choque redesenhado

A GM dos EUA resolve mostrar a versão reestilizada do Chevrolet Cruze, tanto o sedã quanto o hatch. Como se trata de um carro global, as novidades também deverão ser aplicadas no modelo fabricado na Argentina e que é vendido no Brasil, embora ainda não tenham dado nenhuma previsão sobre quando isso acontecer. No mercado norte-americano, a novidade chega às lojas no fim do ano.

LEIA MAIS: Chevrolet inclui itens de série na linha 2018 do hatch médio Cruze Sport6

Com as mudanças no desenho, o Chevrolet Cruze ganhou apelo esportivo, com grade frontal mais ampla, seguindo o estilo do sedã Malibu. Pela imagem acima é possível notar que as entradas de ar dianteiras ficaram bem mais amplas, o que exigiu alterações no desenho do para-choque. Mas essa foi a principal mudança estética, além dos novos jogos de rodas de aro 17 ou 18.

Chevrolet Cruze Sport6: hatch passa a ter novas rodas, que pode ter aro de até 18 polegadas de diâmetro
Divulgação
Chevrolet Cruze Sport6: hatch passa a ter novas rodas, que pode ter aro de até 18 polegadas de diâmetro

Aproveitando os retoques no desenho, a GM também adotou um novo sistema multimídia, com tela de 7 polegadas e melhorias tanto no ar-condicionado quanto no Stop& Start. Na lista de equipamentos, o carro ganha conexão 4G com a internet e partida por controle remoto (o que aciona o ar-condicionado automaticamente).

LEIA MAIS: Chevrolet Cruze Sport6 é o carro mais seguro do Brasil, diz CESVI

Além disso, incluíram uma nova cor de interior. Não houve mudanças no conjunto mecânico, que continua com motor 1.4, turbo e câmbio de seis marchas. Mais adiante, a GM diz que poderá adotar uma nova caixa de nove marchas, pelo menos nos Estados Unidos.

Bem aceitos no Brasil

O sedã é o terceiro modelo mais vendido entre os médios no Brasil. E o hatch é líder do segmento
Divulgação
O sedã é o terceiro modelo mais vendido entre os médios no Brasil. E o hatch é líder do segmento

A nova geração do Cruze tem sido bem aceita no Brasil. O sedã é o terceiro mais vendido do segmento, de acordo com o balanço mensal da Fenabrave (Federação dos Distribuidores de Veículos). Teve 1.720 unidades vendidas em março último e 5.035 no acumulado, ante 27.84 e 5.564 do rival Honda Civic, respectivamente.

E o Chevrolet Cruze hatch, que recebe o sobrenome Sport6 por aqui, é o líder entre os hatches médios, segmento que vem perdendo participação mês a mês. Em março, teve 496 unidades vendidas e acumula 1.646 unidades, contra 257 e 815 do Ford Focus, o segundo colocado.

LEIA MAIS: GM Vectra GT diz o que acha sobre a nova geração do Cruze Sport 6

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.