Tamanho do texto

Novo motor é 2.0 turbo, de 300 cv. Além disso, o SUV de luxo vem com, suspensão a ar, câmera de ré e sistema de retorno de trajetória de série

O Range Rover Velar é o utilitário esportivo mais moderno da marca, com central multimídia dupla e painel digital
Divulgação
O Range Rover Velar é o utilitário esportivo mais moderno da marca, com central multimídia dupla e painel digital

A Land Rover acaba de anunciar o lançamento da linha 2019 do Range Rover Velar. Entre as principais novidades, traz o novo motor 2.0 turbo da família Ingenium como opção para as versões S, Dynamic S e Dynamic SE. Sempre equipado com câmbio automático ZF de 8 marchas, produz 300 cv de potência. Segundo dados oficiais, acelera de 0 a 100 km/h em apenas 6 segundos e pode atingir 234 km/h, de acordo com a fabricante. 

LEIA MAIS: Range Rover Velar: SUV esportivo mostra certo exagero na ousadia

Além de novo motor, a linha 2019 do Range Rover Velar passa a oferecer como item de série, em todas as versões, sistema de suspensão a ar, câmera de ré e sistema Lane Keep Assist, que detecta quando o veículo está se deslocando involuntariamente para fora da faixa e o leva de volta à sua pista. No caso das configurações SE e HSE, há também Park Assist, sensores 360º e monitoramento de tráfego traseiro. Por sua vez, a HSE ganhou de série controle de cruzeiro adaptativo ("piloto automático"), sistema de frenagem de emergência e sistema de monitoramento de ponto cego.

Range Rover Velar ao gosto do freguês

Um dos pilares do Velar é a possibilidade de personalizar o modelo de acordo com o gosto do cliente. Cada versão serve apenas para definir a motorização e os itens de série. A partir daí, pode-se escolher outros itens, cores e acabamentos, alterando o preço de acordo, permitindo que cada um tenha um carro mais exclusivo.

LEIA MAIS: Range Rover Evoque passa a ter versão de luxo Autobiography, com 290 cv

É o SUV mais moderno da Range Rover, sendo o primeiro modelo de produção a usar o sistema Touch Pro Duo , com duas telas sensíveis ao toque, de 10 polegadas. A primeira, posicionada no painel central, controla todos os aspectos multimídia; a segunda tela, mais abaixo, é dedicada aos sistemas do carro, como ar-condicionado e modo de condução. Dessa forma, o interior fica mais limpo por usar menos botões.

Tudo no Velar passa a impressão de ser tecnológico. As maçanetas retráteis aparecem apenas quando o carro é destrancado. O volante multifuncional tem duas telas pretas sensíveis ao toque, onde aparecem os comandos para mexer na central multimídia (ficando totalmente pretas com o veículo desligado). O painel de instrumentos é uma evolução do sistema digital utilizado no F-Pace.

LEIA MAIS: Range Rover Sport híbrido sobe 999 degraus, com 45° de inclinação. Veja vídeo

“Queremos que o Range Rover Velar seja a opção para quem já tem ou queria um Evoque, mas tem uma família e precisa de mais espaço”, diz Frédéric Drouin, presidente da Jaguar Land Rover no Brasil. São 2,87 metros de entre-eixos, contra os 2,66 m do Evoque, aumentando o espaço interno e capacidade do porta-malas. Definitivamente, foi criado para suprir a demanda por um carro com design tão marcante quanto seu irmão menor e que ofereça uma experiência mais confortável.

Veja os preços a seguir :

Velar S: R$ 376.370
Velar R-Dynamic S: R$ 387.970
Velar R-Dynamic SE: R$ 417.170
Velar R-Dynamic SE 3.0 V6 Supercharged: R$ 448.170
Velar R-Dynamic HSE 3.0 V6 Supercharged: R$ 487.270

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.