undefined
Divulgação
Nova Toyota Fielder promete oferecer versatilidade ao mercado europeu, que ainda valoriza as peruas

Lembram da Toyota Fielder? Vendida por aqui entre 2004 e 2008, a perua da marca japonesa acaba de ressurgir na Europa com o nome de Corolla Touring Sports. O carro adota o mesmo visual e plataforma modular do Corolla hatch - que, por sua vez, também será a base do próximo Corolla, que chega ao Brasil em 2019. Por lá,  o modelo é oferecido com três opções de motores, sendo só um totalmente a gasolina.

LEIA MAIS: Toyota Corolla 2019 tem descontos especiais para taxistas e PcD

undefined
Divulgação
Toyota Fielder (ou Corolla Touring Sports) tem a base do próximo Corolla que chega ao Brasil em 2019

O pacote de entrada da Toyota Fielder e dos outros Corolla é formado pelo motor 1.2 turbo, de 116 cv em conjunto com o câmbio manual de seis marchas. Acima dele há duas opções híbridas, com motor 1.8 ou 2.0 e potência combinada de 122 cv e 180 cv, respectivamente. Nas versões de dois motores, o câmbio é sempre automático ,do tipo CVT. O trem de força da versão 1.8, inclusive, é o mesmo do Prius, que em breve adotará uma inédita versão flex no Brasil.

LEIA MAIS: Após redução no preço, Toyota Corolla volta a ficar mais caro, Veja os preços

undefined
Divulgação
Tal como a Toyota Fielder dos anos 2000, a nova também promete ser lembrada pelo espaço interno

O entre-eixos da variante perua do Toyota Corolla também foi alongado em 6 cm na comparação com o hatch, totalizando 2,70 m. Além do espaço extra para os ocupantes, a perua Touring Sports conta com um bom porta-malas de 598 litros de volume, segundo a Toyota. Além disso, uma exclusividade da perua é a suspensão traseira independente do tipo multibraço, um sistema mais refinado do que o eixo de torção usado pelo hatch e pelo sedã do Corolla.

LEIA MAIS: Confira 5 motivos para comprar o Toyota Prius e não o sedã Corolla

Nova Toyota Fielder virá ao Brasil?

undefined
Divulgação
Infelizmente, aqui no Brasil, a nova Toyota Fielder não teria qualquer chance ante os SUVs

Quanto ao Brasil, o executivo Eduardo Kromberg afirmou ao Argentina Autoblog que: “a decisão da Toyota é seguir apostando na tecnologia híbrida, que é a mais adequada nesse momento da indústria. Sabemos que em algum momento teremos versões híbridas de Toyota Corolla e Hilux. Mas, ainda não temos datas certas para quando isso vai acontecer, embora estejamos convictos que esse é o caminho”, disse o executivo.

LEIA MAIS: Com ciclo de carros completo, Toyota passa a mirar nos SUVs

A decisão não chega a surpreender, uma vez que já conta com o Prius. Além disso, já faz pesquisas para lançar a combinação de motor a etanol, que funciona com outro elétrico. No caso do Corolla híbrido, a chegada ao mercado sul americano não deverá demorar, ao contrário da picape Hilux, que deverá levar mais tempo para ser lançada.

LEIA MAIS: Nova geração do Nissan Sentra será apresentada em 2019

Mesmo a Toyota Fielder sendo perfeita para famílias, ela não deve chegar ao Brasil. As peruas já vinham perdendo espaço para os sedãs e agora a preferência do grande público é comprar SUVs. A Toyota tem planos para um crossover compacto para nosso mercado, mas ainda deve levar um tempo. A nova Fielder deve ser apresentada no Salão de Paris (França), em outubro. Já o sedã, ao que tudo indica, ficará para o ano que vem.

    Veja Também

      Mostrar mais