Tamanho do texto

Entre os novos itens, o mais recente é central multimídia. Mas o carro teve aumentos de preços entre R$ 500 e R$ 2.000 dependendo da versão

Honda Fit 2019 passa a ter novo tom de vermelho entre as novidades da nova linha do modelo da marca japonesa
Divulgação
Honda Fit 2019 passa a ter novo tom de vermelho entre as novidades da nova linha do modelo da marca japonesa

O Honda Fit 2019 chega com mais equipamentos em todas as versões e uma nova opção de cor, o Vermelho Vênus Metálico. No exterior, o carro passa a adotar luzes de rodagem diurna com  LED no para-choque. No interior, agora traz sistema multimídia com conectividade nos sistemas Apple CarPlay e Android Auto.

LEIA MAIS: Honda Fit terá nova versão híbrida, em 2020, que faz 37 km/l, diz a fabricante

Segundo a fabricante, a central do Honda Fit 2019 é de fácil operação, com manuseio semelhante ao de um tablet, permitindo a operação de mapas no sistema de navegação do Waze (disponibilizada por meio do Android Auto) além da reprodução de músicas via Bluetooth, por dispositivos portáteis, ou de serviços de streaming. O aparelho conta ainda com a função com Voice Tag .

LEIA MAIS: Veja os 5 carros mais baratos do Brasil equipados com controle de estabilidade

Outras atratividades do Honda Fit 2019

Entre outras novidades, o Honda Fit 2019 mantém o novo design frontal e traseiro, bem como tecnologias de iluminação, como faróis e lanternas em LED. Além disso, conta com configuração modular dos bancos em todas as versões menos a de base DX, que adequam o espaço interno à diferentes tipos de necessidades.

LEIA MAIS: Honda faz recall de 325 mil veículos no Brasil para troca de airbag

Na linha 2018 vieram, além dos discretos retoques no visual, outros equipamentos de série e a própria versão Personal, que aposta em um pacote tecnológico mais completo para se destacar entre os rivais. Além disso, palhetas do tipo flat blade , para-choques redesenhados e controle eletrônico de estabilidade (VSA) equipam desde a opção mais em conta DX.

LEIA MAIS: Os 10 carros mais seguros e os 10 mais inseguros do Brasil

Quanto à estética do modelo da marca japonesa , tem grade com acabamento cromado e preto brilhante, e guarnições personalizadas dos faróis de neblina. A versão LX conta com novo design nas rodas de 15 polegadas, enquanto as mais equipadas EX e EXL passam a integrar rodas diamantadas de aro 16. Outros itens de série são ar-condicionado, direção elétrica, vidros elétricos em todas as portas (agora com comando um toque para subida e descida), regulagens de altura e profundidade da coluna de direção, além de variados porta-objetos espalhados pelo interior.

LEIA MAIS: Honda Fit ganha versão com apelo aventureiro Cross Style no Japão

Além dos controles de estabilidade e tração de série, o carro conta com assistente de partida em rampa e luzes de frenagem de emergência. O sistema de direção elétrica sem escovas prometem sensibilidade no controle do monovolume . E na parte mecânica, o motor continua sendo o mesmo 1.5 i-VTEC, que desenvolve 116 cv de potência. Por enquanto, nada do moderno motor 1.0 i-VTEC turbo, de três cilindros, que entrega 130 cv e 20,4 kgfm no Honda Fit 2019  que é vendido no Japão. São oferecidas caixa de câmbio manual  (na versão DX) e automático CVT nas demais - com simulação de sete marchas nas versões EX e EXL.

Veja os preços e as versões a seguir:

DX - MT : R$ 60.500

Personal - CVT : R$ 68.700

LX - CVT : R$ 72.800

EX - CVT : R$ R$ 77.500

EXL - CVT : R$ R$ 82.900

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.