Tamanho do texto

Além dos monopostos de Fórmula 1, há esportivos como F430 Scuderia e California. Veja galeria de imagens da exposição em Maranello (Itália)

Ferrari faz exposição dos 50 anos de Michael Schumacher no museu da marca. Na foto, o modelo F430 Scuderia
Divulgação
Ferrari faz exposição dos 50 anos de Michael Schumacher no museu da marca. Na foto, o modelo F430 Scuderia

A Ferrari vem avisando desde dezembro último que estava preparando um espaço dedicado ao aniversário de 50 anos de Michael Schumacher, heptacampeão de Fórmula 1, que ganhou cinco títulos pela escuderia italiana. E a exposição acaba de ser aberta ao público em Maranello (Itália).

 LEIA MAIS: Ferrari 290 MM Scaglietti de Fangio e Stirling Moss é leiloada por R$ 86 milhões

Será possível ver de perto fotos de Schumacher entre 1996 e 2006, bem como modelos como o F310 com o qual o piloto alemão ganhou três corridas na dua primeira temporada na Ferrari. Há também a F399 em que ele conquistou o título de construtores de 1999. Outro destaque é o 248 F1 de 2006.

A marca italiana também quis mostrar que Schumacher faz mais para a fabricante do que apenas ser o melhor piloto da história. Ele também esteve envolvido em no desenvolvimento e nos testes de novos esportivos, como a 430 Scuderia de 2007 e a California de 2008, modelos que também fazem parte da mostra.

Schumacher também testou esportivos da Ferrari

 A trajetória de Schumacher na Fórmula 1 durou 17 anos. Durante esse tempo ele teve um total de 308 corridas pilotando pela Jordan Grand Prix, Benetton e Ferrari, onde de aposentou, em 2006. Porém, depois de três temporadas afastado, o alemão voltou à Fórmula 1 em 2010 pela equipe Mercedes. Porém, o retorno durou apenas três anos, já que no final de 2012 deixou definitivamente as pistas.

 LEIA MAIS: Ferrari mostra supercarro FXX-K Evo, com mais de 1.000 cavalos de potência

No final de 2013, Schumacher sofreu um grave acidente esquiando nos Alpes Franceses. Em meados de 2014, ele foi transferido para Hospital Universitário de Vaud, em Lausanne, na Suiça. E desde de setembro do mesmo ano Schumacher está em tratamento em casa. As últimas notícias sobre o heptacampeão dão conta de que ele irá morar em Mallorca (Espanha), onde continuará o tratamento.

LEIA MAIS: Ferrari Daytona raríssima é encontrada no Japão, depois de 40 anos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.