Tamanho do texto

Modelo com motor 2.0 turbo ficará mais potente, passando dos 250 cv. Chegada do carro ao Brasil ainda é incerta. Saiba mais detalhes

VW Golf GTI arrow-options
Kleber Pinho da Silva
O logotipo "GTI" também será integrado aos para-lamas dianteiros Design preservará características do MKVII

A Volkswagen já revelou as versões convencionais do Golf, mas ainda ficou devendo alguns modelos de nicho, como GTI, GTE e R - que serão mostrados mais à frente. O designer Kleber Pinho antecipa as linhas sobre o que podemos esperar do oitavo Golf GTI.

LEIA MAIS: VW Golf GTE pode fazer até 66 km/l para rivalizar com o Corolla híbrido

Seguindo a linguagem de design da família GTI, a versão esportiva do Golf poderá contar com as “guelras” de tubarão na base do para-choque dianteiro, com acentuações em LED. Haverá novamente um friso vermelho cortando a grade dianteira, além da entrada de ar bem protuberante. O teto preto acrescentaria um charme inédito.

VW Golf GTI arrow-options
Kleber Pinho da Silva
Saída dupla de escape e apenas o logo"GTI" na tampa do porta-malas são características marcantes do esportivo

Na traseira, é possível antecipar que o modelo trará apenas o logo “ GTI ”, duas saídas de escape e o defletor de ar. Uma evolução mecânica também é esperada. O câmbio automatizado de dupla embreagem DSG será atualizado, talvez com uma oitava velocidade. O motor 2.0 TSI será o mesmo que já conhecemos, porém, saltando para 250 cv ou mais.

LEIA MAIS: Conheça 5 carros que vendem bem e vão mudar bastante em 2020

A Volkswagen ainda não revelou o palco da apresentação das demais versões do Golf, mas o Salão de Genebra (Suíça) - famoso pelos esportivos e carros de nicho - é o mais provável.

Tá, mas e o Brasil?

VW Golf GTE arrow-options
Guilherme Menezes/iG
Ao lado do GTI nacional, o VW Golf GTE será o único modelo nas lojas pelos próximos meses

Para o desespero daqueles que ainda consideram o prazer de dirigir, a tendência é que a categoria dos hatches médios acabe no Brasil. O segmento - que já chegou a responder por 6% das vendas do mercado nacional em 2007 - agoniza com apenas 0,23% de participação em 2019. Com o fim da produção do Focus e o encarecimento das versões do Golf, o Chevrolet Cruze é o único destaque da categoria.

LEIA MAIS: Primeiras unidades do Chevrolet Bolt serão entregues no começo de 2020

No fim de seu ciclo de vida, a Volkswagen oferece a sétima geração do Golf apenas nas versões GTI (nacional) e GTE (importada da Alemanha) - ou seja, carros de nicho. A estratégia deverá ser mantida na próxima geração, onde o Golf será vendido no mercado brasileiro apenas em versões específicas.