Tamanho do texto

Domínio do Gol, Civic superando Corolla e nenhum SUV entre os "dez mais"; veja quais eram as principais diferenças da última década na indústria

Olhar para o passado pode revelar muito sobre o futuro. Por conta disso, a reportagem do iG Carros iniciou uma série de retrospectivas sobre os “anos 10”, que se encerram em 2019. Entre novembro e dezembro, falamos sobre as  5 melhores ideias que as fabricantes tiveram na década, além das análises sobre como o mercado brasileiro era diferente.

LEIA MAIS: Veja os 5 carros mais polêmicos lançados em 2019

Partindo disso, entramos na máquina do tempo e retornamos para 2009 . Afinal, em dez anos, o que mudou no padrão dos brasileiros na hora de comprar um carro?

O Gol era absoluto

VW Gol arrow-options
Divulgação
VW Gol foi líder por 27 anos seguidos, até perder o trono para o Palio em 2014

Em 2009, o Volkswagen Gol tinha uma média de 17 mil unidades emplacadas por mês, superando por muito os 11 mil emplacamentos do Fiat Uno. Neste caso, podemos traçar um paralelo interessante com os dias de hoje, em que o Chevrolet Onix repete essa mesma intensidade nas vendas.

Ao longo de 2019, o Onix chegou a vender mais que o dobro do segundo colocado, o hatchback Hyundai HB20. Tudo indica que o compacto da Chevrolet continuará na liderança na década que está para começar, já que a marca contará com duas gerações no mercado ao mesmo tempo.

Dobradinha da Fiat no pódio

Fiat Palio arrow-options
Divulgação
Fiat Palio alternava a vice-liderança com o irmão, Uno

Uma diferença pontual com os dias de hoje é a dobradinha que a Fiat tinha entre os três mais vendidos de 2009. Uno e Palio alternavam na segunda colocação, sempre vendendo algo em torno de 10,5 mil unidades. Essa foi a última vez que uma marca teve dois modelos entre os “três mais”. Atualmente, a briga gira em torno de Hyundai HB20 e Ford Ka. 

Classic era o sedã mais vendido

Classic arrow-options
Divulgação
Chevrolet Classic: a idade não atrapalhava o fôlego nas vendas

Avô do Prisma - e consequentemente, do Onix Plus -, o Chevrolet Classic já tinha mais de quinze anos em 2009. Isso não era motivo para perder o fôlego, já que o sedã compacto da GM ainda vendia uma média de 8,5 mil unidades no mês. Dez anos depois, o Onix Plus mantém o legado.

LEIA MAIS: Veja 10 carros elétricos que podem vir ao Brasil em 2020

Civic vendia mais que Corolla

Honda Civic arrow-options
Divulgação
Honda Civic da oitava geração foi um grande sucesso de vendas

A oitava geração do Civic foi emblemática, e fez a cabeça dos brasileiros de um jeito inédito. Em 2009, o sedã da Honda emplacou uma média de 5 mil unidades por ano, superando por muito o Toyota Corolla - que não aparecia nem entre os 20 mais vendidos. Dez anos depois, o rival ultrapassou o Civic por uma margem estratosférica.

Nenhum SUV entre os dez mais

Ford EcoSport arrow-options
Divulgação
Ford EcoSport era o SUV mais vendido da época

LEIA MAIS: Saiba quais foram os 5 carros mais econômicos lançados em 2019

Com poucas opções entre os compactos, o bicho dos SUVs ainda não havia picado os brasileiros em 2009. Se hoje temos Jeep Compass , Renegade, Hyundai Creta e Honda HR-V constantemente aparecendo entre os 10 carros mais vendidos do Brasil, há dez anos, o Ford EcoSport era apenas o décimo quinto no ranking de vendas. A média era de 3,4 mil emplacamentos por mês.

Modelos mais vendidos em dezembro de 2009:
1 - VW Gol - 17.875
2 - Fiat Mille - 11.697
3 - Fiat Palio - 10.763
4 - Chevrolet Classic - 8,869
5 - Chevrolet Celta - 7.588
6 - VW Fox - 6.317
7 - Fiat Siena - 5.745
8 - Ford Fiesta - 5.514
9 - Ford Ka - 5.336
10 - Honda Civic - 5.124