Ford Transit
Divulgação
Ford Transit será vendido no Brasil a partir do ano que vem como mais uma opção de utilitário, segmento em alta no mercado hoje em dia


A Ford confirma que vai iniciar, a partir de 2021, a produção do comercial leve Transit no Uruguai, com o objetivo de atender aos mercados da América do Sul, principalmente o brasileiro.


O Ford Transit , nas versões Chassis, Minibus, Van e Cabine Dupla, será produzido pela Nordex, empresa uruguaia que desde 1962 é especializada na produção de automóveis a partir de kits CKD, no qual os veículos são importados em peças, completamente desmontados.

Atualmente, a Nordex é a responsável pela montagem do Peugeot Expert e do Citroën Jumpy vendidos no Brasil. Para a produção do Ford Transit país vizinho, as duas empresas vão investir R$ 50 milhões, além de gerar 200 novos postos de trabalho diretos e indiretos.


Lançado em 1965 na Europa, o Ford Transit chegou a ser comercializado no Brasil entre 2008 e 2014, em sua terceira geração, que era trazida da Turquia nas variações chassi e furgão de carga e passageiros. Atualmente em sua quarta geração, o modelo comercial é produzido na Turquia, China, Estados Unidos e Rússia.

Recentemente, o segmento de furgões ganhou impulso no mercado brasileiro, reflexo do crescimento do comércio eletrônico durante a pandemia do novo coronavírus, o que justificaria o investimento em trazer o modelo para o País.

A Ford não detalhou qual será o conjunto mecânico disponível para o utilitário Transit feito no Uruguai. No Reino Unido, o modelo está disponível com uma ampla gama de motores 2.0 diesel de quatro cilidros (com potências entre 105 e 185 cv), além da opção de conjuntos motrizes com as tecnologias híbrida-leve e híbrida plug-in .

Ainda no mercado europeu, o Ford Transit se destaca pela oferta de equipamentos que inclui o sistema multimídia Sync 3, rede de wi-fi nativo e um pacote de auxílios tecnológicos de segurança que inclui monitor de pontos cegos e trâfego cruzado, controlador automático de velocidade adaptativo, frenagem autônoma de emergência e sistema de estaciomanemento automático.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários