Bowler CSP 575
Divulgação
Land Rover Defender 110 original irá voltar ao mercado como Bowler CSP 575


A Land Rover cedeu os direitos de uso da carroceria do Defender 110 original para a empresa britânica Bowler Motors. Até aí, nada de muito diferente do que a Ford fez ao ceder a licença da carroceria do Mustang original para a fabricante Revology. Não fosse o fato de a Bowler ser parte do grupo Jaguar Land Rover. O que de certa forma pode ser considerada uma retomada na produção do 4x4 original.


Fabricante de veículos off-road extremos para uso em competições, a Bowler Motors foi adquirido pelo grupo britânico controlado pela indiana Tata em dezembro do ano passado e desde então está subordinada à SVO (Special Vehicle Operations), divisão de veículos especiais da Jaguar Land Rover .

A carroceria do velho Defender será utilizada em um projeto conhecido atualmente pelo codinome CSP 575, que irá combinar um novo chassi desenvolvido pelos engenheiros da Bowler com o motor 5.0 V8 a gasolina de 575 cv usado em modelos como o Range Rover Sport SVR .

Apesar de contar com uma gaiola de proteção interna, este será um veículo preparado para uso em vias públicas e poderá levar até quatro ocupantes em assentos individuais esportivos.

Ainda em desenvolvimento, o CSP 575 será produzido artesanalmente e em edição limitada, com as primeiras entregas para os clientes previstas para acontecer no 2º semestre de 2021. De acordo com a Bolker Motors, esse "novo velho" Land Rover Defender irá custar a partir de 200 mil libras (cerca de R$ 1,4 milhão) no Reino Unido.

Outros Defender

Novo Land Rover Defender
Divulgação
Novo Land Rover Defender


Primeiro modelo da Land Rover, o Defender original foi produzido entre 1948 e 2016. Desde 2019, o nome é utilizado em um novo utilitário, lançado em julho deste ano no mercado brasileiro e que lembra o original, mas traz uma plataforma do tipo monobloco. 

O CSP 575 irá competir contra o Ineos Grenadier , modelo que também é uma reprodução do Defender criada pelo bilionário britânico Jim Ratcliffe. Fã do 4x4 original, decidiu criar o seu próprio Land Rover após avaliar que o novo Defender não era fiel ao espírito do off-road. A Tata até tentou impedir a produção do Ineos, mas o pedido de registro do modelo antigo foi negado pelo órgão britânico de propriedade intelectual.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários