Chevrolet Cruze ainda não foi lançado na linha 2021; enquanto o carro não chega, a GM corta os preços do modelo 2020
Divulgação
Chevrolet Cruze ainda não foi lançado na linha 2021; enquanto o carro não chega, a GM corta os preços do modelo 2020

A Chevrolet prepara condições especiais para a linha Cruze Sedan e Sport6 em seu site de ofertas no começo de 2021. As melhores condições reduzem o preço do modelo em até R$ 7,7 mil nas concessionárias da cidade de São Paulo. Acompanhe os detalhes sobre a promoção e veja o que esperar da linha Cruze para 2021.

O Cruze Sedan Premier , originalmente tabelado em R$ 128.190, despencou para R$ 120.490 neste começo de ano. Trata-se de uma oferta válida para uma unidade na cor Marrom Capuccino, em uma concessionária na Av. Nazaré, no Ipiranga, em São Paulo. 

Chevrolet Cruze e o terceiro sedã médio mais vendido do Brasil, abaixo de Toyota Corolla e Honda Civic
Divulgação
Chevrolet Cruze e o terceiro sedã médio mais vendido do Brasil, abaixo de Toyota Corolla e Honda Civic

O modelo já conta com alerta de colisão frontal, assistente de permanência em faixa, sistema de frenagem de emergência e alerta de ponto-cego.No pacote de conforto, a Chevrolet inclui banco do motorista com regulagem elétrica e carregador de celular por indução. 

Outra versão do Cruze com preço convidativo no começo de 2020 é a LT . A concessionária Dutra, da Vila Guilherme, tem uma unidade na tonalidade Branco Summit que despencou de R$ 115.650 para R$ 109.990. Neste caso, o abatimento é de R$ 5.660.

Ainda que seja sua versão de entrada, o Cruze LT é um sedã bem completo. Ele já conta com seis airbags (frontais, laterais e cortina), central multimídia MyLink com espelhamento de celular via Apple CarPlay e Android Auto, sistema start-stop, monitoramento de pressão dos pneus e sensores de estacionamento.

Há apenas uma promoção para a versão hatchback do Cruze . Uma unidade Sport6 LT está disponível em uma concessionária Carrera, na região de Sumaré, por R$ 113.290. Considerando o preço base de R$ 116.400, trata-se de um desconto de R$ 3.110.

Você viu?

O Cruze Sport6 LT tem todos os equipamentos já mencionados anteriormente para a mesma versão do sedã. A grande diferença fica por conta da capacidade do porta-malas, que no caso do hatch é de apenas 290 litros – ante 440 litros do sedã.

Todos os modelos contam com exatamente a mesma mecânica. O motor é 1.4 turbo da família Ecotec, capaz de desenvolver 153 cv de potência e 24,5 kgfm de torque, com câmbio automático de seis velocidades. Segundo a Chevrolet, tanto o hatch quanto o sedã levam 9 segundos para atingir 100 km/h.

De acordo com o Inmetro, o Cruze Sedan pode aferir 7,8 km/l na cidade e 9,8 km/l na estrada com etanol, enquanto a versão Sport6 pode marcar 7,6 km/l e 9,4 km/l, respectivamente. Na gasolina, o sedã pode marcar 11,3 km/l na cidade e 14 km/l na estrada, enquanto o hatch faz 11,1 km/l e 13,5 km/l, respectivamente.

Situação delicada

Chevrolet Monza pode ser o substituto do Cruze nos países em que o sedã ainda faz sucesso
Divulgação
Chevrolet Monza pode ser o substituto do Cruze nos países em que o sedã ainda faz sucesso

Descontinuado nos Estados Unidos e na China, o Chevrolet Cruze continua sendo produzido na Argentina em suas versões hatch e sedã. A marca ainda não lançou o modelo 2021, revelando que não há pressa em renová-lo. 

Com as categorias dos sedãs e hatches médios em baixa e o crescimento do interesse em SUVs por toda a América Latina, tudo indica que o Chevrolet Cruze está próximo do fim. Segundo o site Argentina Autoblog , a marca cogita lançar o chinês Monza para substituir o Cruze em alguns mercados globais. A informação não foi confirmada pela fabricante.

Além disso, a GM vai investir em novos modelos no Mercosul e um deles deverá ser fabricado na Argentina. Portanto, o mais provável é que a linha de montagem no país vizinho seja utilizada para outros projetos mais promissores que o Cruze atual.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários