Tamanho do texto

Esportivo lendário foi mostrado em Detroit, com incríveis 700 cv de potência

A história do Ford Mustang Shelby GT500 é quase tão impressionante quanto as marcas de pneus que os proprietários de cada geração deixaram no asfalto. O que começou como um pacote de upgrade de corridas aftermarket de Carroll Shelby em 1967 acabou se transformando em uma espécie de pônei de alta potência com um coração de tirar o fôlego. E agora a Ford apresentou no Salão de Detroit a versão 2020 do Mustrang Shelby que tem um motor com nada menos que 700 cavalos de potencia.

LEIA MAIS: Raptor, a super picape da Ford

Soma poder, tecnologia e sofisticação, acelerando de zero a 100 em apenas três segundos e meio, alcançando uma velocidade de mais de 300 quilômetros por hora. A transmissão do Shelby GT500 é de sete velocidades de dupla embreagem. Com mudanças em apenas 100 milissegundos, a nova caixa de câmbio é, sem dúvida, mais rápida do que uma configuração manual.

Os vários modos de condução do GT500 (incluindo Normal, pista molhada, Esporte, neve e pista) otimizam o comportamento de transmissão para a condução à mão. Curiosamente, o modo esportivo é ajustado para produzir os desvios mais rápidos, enquanto o modo de pista prioriza a suavidade para evitar que o carro fique fora de forma.

LEIA MAIS: Confira o vídeo do Chevrolet Camaro 2019

Como o seu irmão menos potente, o GT350 de 562 cv, o GT500 2020 começa com um V8 de bloco de alumínio de 5.2 litros montado à mão. O novo GT500 apresenta uma geometria de suspensão única, juntamente com molas mais leves nas quatro rodas. 

Os amortecedores tem um fluido que muda a viscosidade alterando os níveis de resistência quase instantaneamente. Esta é a primeira vez que a tecnologia chega ao GT500, o que deve permitir curvas mais suaves enquanto preserva a qualidade da viagem.

O Track Pack também inclui a asa de fibra de carbono ajustável (a Ford diz que permite mais força descendente traseira do que o seu supercarro GT ), juntamente com os difusores frontais. As rodas são de 20 polegadas.

Naturalmente, a frenagem foi substancialmente aprimorada, com freios Brembo incluindo discos dianteiros duplos. São os maiores encontrados em qualquer cupê doméstico. As pinças dianteiras fixas de seis pistões são montadas na frente e as unidades de quatro pistões são nas rodas de atrás. 

Para um exterior tão chamativo, as mudanças de cabine para o  Shelby GT500 2020 são realmente bastante suaves. Há apliques de fibra de carbono opcionais, juntamente com acabamento de porta de camurça. Os bancos são Recaro e oferecem muito conforto ao motorista. A maior diferença do interior, no entanto, é a inclusão de uma nova alavanca de câmbio rotativa eletrônica. 

LEIA MAIS: Renault ainda estuda a chegada da picape Alaskan no Brasil

O Shelby GT500 2020 deve ser uma verdadeira fera na pista. A maioria dos carros viverá seus dias nas ruas, é claro, e, para isso, a Ford não descarta o conforto dos ocupantes. O Sync 3 com tela sensível ao toque faz parte da equação, incluindo o Apple CarPlay e a compatibilidade com o Android Auto , e um cluster de medidor reconfigurável de 12 polegadas adiciona flexibilidade e uma sensação de alta tecnologia. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas