Tamanho do texto

Protótipos e conceitos mostram novos paradigmas sobre esportividade e fontes de energia renovável. Veja as novidades que chegam ao Brasil

O Salão do Automóvel de Genebra hoje é o mais importante da Europa. Mesmo sendo pequeno, o que há de melhor do mundo do automóvel é mostrado nele. E muito do que foi apresentado nesta edição do Salão de Genebra 2019 virá ao Brasil.

LEIA MAIS: T-Cross, o primeiro SUV nacional da VW, finalmente chegou

O Salão de Genebra 2019 também é o evento dos carrões, que encantam reis e plebeus. Não existe um superesportivo fabricado no mundo que não apareça por aqui. Carros especiais que custam milhares e milhares de euros. Sem dúvida é o salão que mais apresenta estes carros, geralmente em produção limitada a poucas unidades, muitos protótipos e conceitos e especialmente neste ano, quase todas as fabricantes apresentaram seus modelos de energia alternativa.

A Audi bateu firme neste quesito de energia limpa, mostrando toda a sua linha E-Tron. Desde um SUV, o Q4, de tamanho médio e totalmente elétrico, até um esportivo, o concept GT E-Tron. Todos já praticamente prontos para ganhar ar ruas. E o E-Tron também será vendido no Brasil, a partir do final deste ano.

Audi Q4 e-tron antecipa o futuro dos SUVs da marca alemã: eletrificados, porém confortáveis e dinâmicos
Divulgação
Audi Q4 e-tron antecipa o futuro dos SUVs da marca alemã: eletrificados, porém confortáveis e dinâmicos

Mas o melhor é darmos uma rápida passada por cada um dos estandes para ver o que de bom e bonito a industria automotiva mundial está mostrando. Vamos começar por um gigante. A Bentley mostrou o seu famoso Continental GT Number 8. O carro está cada vez mais sofisticado.Mas também tem os bem pequenos, como o Smart, que mostrou uma versão bem tecnológica, a Forese.

LEIA MAIS: Audi vai além do tempo com conceitos inovadores

E um dos lançamentos mais importantes do salão foi o Renault Clio geração 5. O Clio é o carro mais vendido na França e o campeão de vendas da Renault na Europa. Ganhou mais tecnologia e uma tela gigante no painel por onde o carro é controlado. Infelizmente o Clio não será vendido no Brasil.

A nova BMW Série 7 também apareceu por aqui. Ela foi apresentada nos salões norte americanos no início do ano mas para a Europa, a sua avant premiere foi em Genebra. Para quem gosta dos carrões esportivos e de alto preço, Genebra apresentou a Bugatti La Voiture Noite. A versão mais moderna e tecnológica da marca de luxo. E a Mercedes-Benz apresentou um carro conceito. Mas não um automóvel de luxo ou esportivo, como sempre ocorre. Desta vez foi o EQV, uma van movida a energia alternativa.

Ainda dentro da energia alternativa, a Kia trouxe um conceito Imagine. É um exercício de design e dificilmente chegará as ruas, mas deve ser inspiração para os futuros modelos da marca coreana. E para quem gosta de curtir um vento no rosto, a Porsche fez o lançamento do 911 Carrera Cabriolet. Este carro será vendido no Brasil em breve.

Lamborghini no Salão de Genebra 2019

Lamborghini Huracan Evo Spyder também marca presença no Salão de Genebra 2019
Divulgação
Lamborghini Huracan Evo Spyder também marca presença no Salão de Genebra 2019

Voltamos aos superesportivos com o Lamborghini Huracan EVA. Até a cor chamou atenção. Um verde de arder os olhos. A Lamborghini sempre mostrar alguma novidade em Genebra. Desta vez foi o seu Huracan, já conhecido, mas agora melhorado. Se é que existe algo para melhorar neste carro.

E como o assunto é super carros esportivos, vamos conhecer a Mclaren Speedtail. No ano passado a marca mostrou a Mclaren Senna, que também fez muito sucesso no Salão de São Paulo. Para variar, em Genebra, o estande onde estava a Speedtail foi um dos mais visitados.

Até as marcas tradicionais se curvam as novidades no Salão de Genebra. A seriedade da Volkswagen foi quebrada com a apresentação do I.D. Buggy. Realmente um buggy muito conhecido por nós, só que este com tecnologia de energia alternativa.

Outro gigante da indústria automotiva Europeia, a Rolls Royce, trouxe uma novidade para Genebra. O seu grandalhão Cullinan. É o primeiro SUV da marca britânica, mas apenas os bem abastados poderão ter um desse na garagem.

Como acontece em qualquer salão de automóvel pelo mundo, um dos estandes mais procurados é o da italiana Ferrari, pois sempre tem uma novidade. A maioria vai para tirar fotografia, mas sempre tem um comprador. Em Genebra a Ferrari mostrou o seu novo modelo F8 Tributo.

E a Fiat aproveitou Genebra para iniciar as comemorações de seus 120 anos e isso deverá se estender também para o Brasil. Mostrou uma linha do Fiat 500 120 anos. Também lá estava um Tipo e um Panda, além do carro conceito Centovinte que chamou muito a atenção.

E ainda dentro do Grupo FCA, a Alfa Romeu mostrou um carro, ainda conceito, que tem tudo para se transformar em um sucesso na Europa. É o Tonale. Um SUV compacto para os padrões europeus e híbrido, mas só deverá ser produzido em escala a partir de 2020.

LEIA MAIS: Shelby GT500: o Mustang mais potente da história

A Pininfarina tem mostrado os mais belos automóveis já produzidos. Em Genebra mostrou o Battista, em homenagem a seu fundador, Giovanni Battista. É um superesportivo elétrico de produção limitada. Cada unidade custa dois milhões e meio de dólares.

E a Nissan mostrou o futuro de sua linha de SUVs com a apresentação do IMQ. Por enquanto ainda é um conceito, mas seu porte é acima do Kicks. A motorização é E-Power, a mesma do Note, com um motor a combustão que carrega as baterias para a tração do carro, que é totalmente elétrica no Salão de Genebra 2019 .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.