Tamanho do texto

Futuro rival de Honda HR-V e Hyundai Creta mostra disposição na pista. Chega no primeiro semestre de 2019 com motores 1.4 e 1.0, ambos turbo

VW T-Cross será apresentando em detalhes durante o Salão do Automóvel de São Paulo, entre 8 e 18 de novembro
Divulgação
VW T-Cross será apresentando em detalhes durante o Salão do Automóvel de São Paulo, entre 8 e 18 de novembro

A Volkswagen mostra o SUV compacto T-Cross, ainda camuflado, antes do lançamento, no início do ano que vem. Sem dar muitos detalhes, a marca confima que o carro terá motores 1.4 e 1.0, ambos turbo flex e acoplados ao câmbio automático de seis marchas. A reportagem de iG Carros teve a oportunidade de dar duas voltas num protótipo do VW T-Cross que ainda pode receber alguns ajustes na fábrica.

LEIA MAIS:  Veja as 5 principais novidades da Volkswagen no Salão do Automóvel

Em pista fechada, com curvas variadas, o  VW T-Cross mostrou boa desenvoltura, com destaque para o funcionamento do 1.4 turbo flex, de 150 cv, conjunto que já equipa o Golf e deverá ser usado na nova versão GTS da dupla Polo/Virtus. Pelo menos nessa versão mais potente, o carro deixou claro que tem fôlego suficiente para retomar velocidade nas saídas de curva sem hesitar.

LEIA MAIS: Citroën C4 Cactus enfrenta Hyundai Creta em comparativo. Confira!

Para ajudar, é possível trocar as marchas por hastes atrás do volante. Uma diferença em relação ao Polo /Virtus é a indicação das marchas na parte de cima da alavanca. Outro ponto que agradou fica por conta do ajuste de suspensão. Mesmo com altura 10 mm mais alta que a versão europeia, o carro é equilibrado e não exagera na inclinação da carroceria nas curvas. Todas as versões virão com seis airbags e controles eletrônicos de estabilidade e tração.

LEIA MAIS: Volvo XC40 T4: SUV premium na medida certa

O entre-eixos 2,65 m é o mesmo do Virtus e contribui com o espaço interno, suficiente para acomodar até quem tem quase 1,90 m de altura, sem aperto. Bom também é o volume do porta- malas, que varia entre 373 e 420 litros conforme a posição do assoalho e do banco traseiro deslizante.

Mais detalhes do VW T-Cross

Além de disposição para acelerar, o VW T-Cross mostra bom comportamento em curvas, em se tratando de um SUV
Divulgação
Além de disposição para acelerar, o VW T-Cross mostra bom comportamento em curvas, em se tratando de um SUV

Na lista de equipamentos, o VW T-Cross pode vir com teto solar panorâmico, luz ambiente no painel, som de alta-fidelidade da Beats, com 300 watts e 6 alto- falantes, entre outros itens. Há também duas saídas USB para quem vai sentado atrás e outras duas na frente. A central multimídia tem tela de 10 polegadas e o cluster digital, de 8 .

LEIA MAIS: Jaguar E-Pace 2.0: SUV para quem curte acelerar

O VW T- Cross também terá disponível detector de fadiga, mudança do perfil de modo de condução e sistema que faz o carro estacionar sozinho de última geração, que funciona em vagas paralelas e perpendiculares. Será possível escolher por oito cores no VW T- Cross , com destaque para as mais chamativas Laranja Energetic e Bronze Nambia.

A marca não quis dar uma data exata do lançamento. Disse apenas que será no início de 2019, com apresentação do Salão do Automóvel de São Paulo, entre os dias 8 e 18 de novembro. Além dele, serão mostrados os novos Polo e Virtus GTS, duas versões inéditas do Golf (híbrida e elétrica), bem como o novo Touareg, que chega para competir na categoria dos SUVs grandes de luxo, conforme apuramos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.