Haojue DK 160: Novidade vai estrear a nova motorização e levar a tecnologia da atual topo de linha
Divulgação
Haojue DK 160: Novidade vai estrear a nova motorização e levar a tecnologia da atual topo de linha

A Haojue — marca de baixo custo da Suzuki — acaba de confirmar a chegada da DK 160 para o ano que vem. Mesmo que a fabricante ainda não tenha confirmação de preço e uma data específica para o lançamento, sabe-se que ela tomará como base a versão de topo atual DK 150 S FI, que chegou ao mercado em junho por R$ 8.898. Pela diferença de preço de quase mil reais em relação à versão convencional, a Haojue DK 160 não passará dos R$ 10 mil.

LEIA MAIS: Yamaha MT-03 surge renovada e com mais tecnologia para a linha 2021

Painel digital de LCD com indicador de marcha, novos grafismos e injeção eletrônica estão entre os equipamentos
Divulgação
Painel digital de LCD com indicador de marcha, novos grafismos e injeção eletrônica estão entre os equipamentos

A partir das novidades que a “irmã” 150 topo de linha trouxe este ano, a Haojue DK 160 terá o sistema de injeção eletrônica FI, que deixa a moto mais eficiente e econômica. Além disso, virá com os novos grafismos que refletem a atual identidade visual da marca. A partir de seu lançamento, pretende oferecer melhor custo-benefício ante rivais como a líder Honda CG 160.

LEIA MAIS: Nova Honda trail de entrada será apresentada com visual descolado

Você viu?

Motor deverá equipar mais motos em um futuro próximo
Divulgação
Motor deverá equipar mais motos em um futuro próximo

Além dos freios combinados CBS (obrigatório por lei), mais novidades incluem o painel multifuncional de LCD, que possui indicador de marcha. Vale lembrar que a nova motorização 160 cc não só equipará a DK 160, como poderá ser colocada em outros modelos da marca, e também ser o ponto de partida para o surgimento de mais lançamentos futuramente.

Nova Suzuki de entrada

Versões naked e carenada trazem componentes da GSX 250R, vendida no exterior
Divulgação
Versões naked e carenada trazem componentes da GSX 250R, vendida no exterior

A empresa “mãe” Suzuki — que hoje se coloca como uma marca de padrão mais elevado no Brasil — acaba de revelar as novas esportivas de baixa Suzuki Gixxer 250 (naked) e Gixxer SF 250 (carenada). Serão apresentadas em Milão (no Salão EICMA), e no Salão de Tóquio (Japão), onde já iniciará as suas vendas. Fariam todo o sentido no Brasil, para concorrer com Yamaha R3 e MT-03, Honda CB 300R e companhia. Entretanto, a fabricante disse à redação do iG Carros que ainda não sabem se as novidades virão.

LEIA MAIS: Honda CB 250F Twister 2020 acaba de chegar às lojas, com novas cores e grafismos

Suzuki Gixxer naked, com o mesmo conjunto mecânico, mas que promete mais praticidade para um uso urbano
Divulgação
Suzuki Gixxer naked, com o mesmo conjunto mecânico, mas que promete mais praticidade para um uso urbano

Elas são derivadas da GSX 250R vendida no exterior, mas recebem chassi, motor, rodas, suspensão e freios atualizados. Em sua renovação, ganham nova carenagem (na versão SF), farol de LED e guidão mais baixo. Além disso, contará com uma versão especial, com design que replica as cores da equipe da Suzuki na MotoGP.

Edição especial, com as cores que fazem tributo ao modelo da Suzuki que compete na MotoGP
Divulgação
Edição especial, com as cores que fazem tributo ao modelo da Suzuki que compete na MotoGP

Já o motor, por sua vez, é monocilíndrico de quatro tempos, com refrigeração a óleo e 4 válvulas, que gera 26 cv e 2,3 kgfm e entrega o movimento através do câmbio de seis marchas. Com o tanque cheio, seu peso é declarado em 161 kg e cai para 156 kg na versão naked. Vamos aguardar por mais novidades dela e da Haojue DK 160 .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários