Yamaha Ténéré
Divulgação
Yamaha Ténéré deverá seguir a mesma linguagem visual da 700 Rally Edition, lançada recententemente

Desde que a Yamaha Ténéré 250 saiu do Brasil, o mercado nacional só conta com os modelos de 700 cc e 1200 cc. E, então, eis que a fabricante japonesa diz que planeja criar uma Ténéré 300, com a mesma mecânica utilizada na MT-03. Com isso, concorreria com modelos como a Kawasaki Versys 300 e BMW G 310 GS. A informação foi confirmada pela Yamaha italiana.

Segundo o gerente de comunicação e produtos da marca, Fabrizio Corsi, sobre a possibilidade da Yamaha Ténéré 300: “é complicado falar do futuro. A Yamaha revelou recentemente a Ténéré 700 e já tínhamos a Ténéré 1200, mas estamos de olho no que o mercado pede. Recentemente, BMW e KTM lançaram produtos que chamaram a atenção nesse segmento. Se houver demanda de nossos clientes estaremos prontos para atendê-los”.

O interessante é que o conjunto das 300 cc já está atualizado, podendo adiantar algumas especificações da Ténéré 300 de entrada. As novas 300 cc recebem um novo painel multifuncional, agora totalmente digital, abandonando o grande conta-giros que equipa a linha 2020. Além disso, a trail japonesa viria equipada com um disco de freio de 298 mm na frente e um de 220 mm na traseira, com ABS padrão.

Yamaha
Gabriel Marazzi
Yamaha XTZ 250 Ténéré: a última aventureira de baixa cilindrada que vendeu no mercado brasileiro

O motor dois cilindros virá herdado da carenada Yamaha R3, com 321 cc, gera 42 cv e 3 kgfm. Segundo a fabricante, o câmbio de seis marchas, por sua vez, é pensado para funcionar com suavidade e otimizar a agilidade.

A julgar pela nova Yamaha Ténéré 700 Rally Edition, ainda traz protetor de radiador, protetor de corrente, piscas em LED, apoios emborrachados nas laterais do tanque de combustível para melhor fixação das pernas e manoplas off-road, que conferem à bigtrail japonesa maior controle, por parte do condutor.

    Veja Também

      Mostrar mais