Tamanho do texto

Protótipo conta com a nova plataforma MEB, que será usada na nova família de modelos da marca alemã

VW Buggy que será apresentado em Genebra se parece com um sucessor espiritual do clássico Fusca Baja
Divulgação
VW Buggy que será apresentado em Genebra se parece com um sucessor espiritual do clássico Fusca Baja

A Volkswagen mostra outro teaser do bugue elétrico conceitual que será mostrado no próximo Salão de Genebra (Suíça), entre os dias 7 e 17 de março. Embora pareça que um carro desse tipo dificilmente pode vir a ser produzido em série, o fato é que a fabricante ainda não descartou a possibilidade de lançá-lo em algum momento.

LEIA MAIS: VW e Ford oficializam parceria global

A releitura do tradicional bugue Meyers Manx ainda não tem nome e foi fabricado com a nova base MEB que será usada na nova família de elétricos da Volkswagen. O primeiro integrante será o hatch compacto Neo, cujo lançamento está marcado para o segundo semestre, depois do Salão de Genebra .

LEIA MAIS: Andamos na versão de entrada do VW Jetta, que custa menos de R$ 100 mil

Os designers da Volkswagen se esforçaram para não criarem uma versão com aspecto retrô do bugue Manx, que representa um modelo icônico, vibrante, perfeito para promover os novos modelos elétricos que estão para serem lancados pela marca alemã a partir da segunda metade do ano.

Vokswagen depois do Salão de Genebra

Depois do Salão de Genebra (Suíça), a Volkswagen deverá focar no lançamento do novo hatch elétrico em Frankfurt
Divulgação
Depois do Salão de Genebra (Suíça), a Volkswagen deverá focar no lançamento do novo hatch elétrico em Frankfurt

A Volkswagen aposta alto em uma nova família de carros. Haverá SUVs, sedã medio, hatch e a nova Kombi. A chegada de novos modelos do gênero, entre outros motivos, tem sido motivada pelos incentivos fiscais para modelos elétricos na Europa, onde os carros movidos a combustão tendem a desaparecer gradativamente.

Por enquanto, do que se sabe das especificações técnicas do hatch elétrico Neo, está a autonomia de cerca de 330 quilômetros na versão mais simples, com baterias de 48 kWh. Também haverá outras versões, que serão capazes de rodar cerca de 480 quilômetros. Portanto, o modelo mais em conta da VW irá ser equivalente aos rivais Nissan Leaf e Renault Zoe.

O VW I.D conceitual vem com motor de 170 cv e 30,6 kgfm de torque. E a versão que será produzida em série deverá contar com sistema capaz de ter as baterias recarregadas rapidamente em estações de alta voltagem. Entre outras características, itens como o capô de altura mais elevada que a do protótipo está relacionado com a proteção de pedestres. Além disso, chamam atenção detalhes como a pequena janela atrás da coluna dianteira e poucos vincos na carroceria.

LEIA MAIS: Boeing faz testes com o primeiro carro voador nos Estados Unidos

Algumas das tecnologias adotadas no VW I.D virão da oitava geração do Golf, que está prestes a chegar ao mercado europeu, uma vez que já foi flagrado em testes quase sem nenhum disfarce. Entre as quais, deverão estar incluído o Head Up Display (HUD), nova central multimídia. Nos resta aguardar pelo novo bugue do Salão de Genebra para entender mais sobre a nova plataforma de carros elétricos da VW.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.