Tamanho do texto

SUV foi reestilizado e traz novos equipamentos e motores. Como os modelos mais tecnológicos, virá com assistências de condução e inteligência artificial

Mercedes-Benz GLC de nova geração irá ao Salão de Genebra 2019 com equipamentos e motores mais modernos
Divulgação
Mercedes-Benz GLC de nova geração irá ao Salão de Genebra 2019 com equipamentos e motores mais modernos

O Mercedes-Benz GLC 2020 surge renovado para o Salão de Genebra 2019. Já faz três anos que o rival direto do BMW X3 já está no mercado, mas com a chegada do novo modelo entre julho e agosto, vai trazer, além da nova silhueta, novos para-choques, grade dianteira, faróis de LED lanternas traseiras redesenhadas. Além disso, foi introduzida uma nova linha de rodas.

LEIA MAIS: Ferrari F8 Tributo, sucessora da 488 GTB, é revelada. Estará no Salão de Genebra

Outra novidade é que passa a estar disponível também na linha AMG, que vem com outra grade, para-choque dianteiro, saídas de escape que passam a ser retangulares e rodas de 19 e 20 polegadas. No interior, a novidade do Salão de Genebra 2019 praticamente segue praticamente a mesma, recebendo apenas novos revestimentos e funções atualizadas dos equipamentos. A maior delas é a chegada do recurso de inteligência artificial MBUX (Hey Mercedes!). Além disso, o volante passa a ser o multifuncional já visto em outras linhas da marca alemã. Enquanto isso, o cluster agora é digital de 12,3 polegadas, e em cima do console central, traz uma tela sensível ao toque 7 ou 10.3 polegadas, dependendo da versão.

LEIA MAIS: VW antecipa imagens e detalhes do novo SUV T-Roc R, atração em Genebra

Como acontece no Classe B, o GLC agora tem função de controle por voz ou por gestos. E pela primeira vez, o GLC tem um opcional de carregador sem fios para smartphones. A versão AMG adiciona detalhes mais esportivos, como bancos e alguns acabamentos exclusivos. Outra novidade é a possibilidade de encomendar o SUV com sistemas de auxílio na condução e segurança, como monitora de velocidade através da frenagem automática.

Novos motores que estreiam no Salão de Genebra 2019

Os visitantes do Salão de Genebra 2019 verão de perto as motorizações do SUV da Mercedes
Divulgação
Os visitantes do Salão de Genebra 2019 verão de perto as motorizações do SUV da Mercedes

O GLC recebe novos motores, um deles um hibrido com dois opcionais de potencia, e um diesel com três. O primeiro toma como base o motor 2.0 M264 que gera 197 cv e 28 kgfm (para o GLC 200 4 Matic ) ou 258 cv e 37 kgfm (GLC 300 4Matic). Ambos vêm equipados com a tecnologia EQ Boost, o sistema de arranque/alternador/motor elétrico e tecnologia de 48 volts, que oferece 10 kW e 15 kgfm extras.

LEIA MAIS: Skoda Kamiq europeu antecipa características do futuro SUV médio da VW

O motor diesel é um dois litros que surge em três versões: com 163 cv e 36 kgfm (GLC 200d 4Matic), 194 cv 40 kgfm (GLC 220d 4Matic) e 245 cv 50 kgfm (GLC 300d 4Matic). Todas as unidades virão com uma transmissão automática de 9 velocidades, com conversor de torque, e um novo sistema de tração integral 4Matic que a Mercedes-Benz diz que é mais eficaz no fora de estrada.

Outros equipamentos e itens de tecnologia estão à disposição do condutor. Entre os modos de condução do Mercedes-Benz GLC , estão Eco, Comfort, Sport, Sport+ e Individual, que podem trabalhar em conjunto com os adicionais Off Road e Off Road+, caso o cliente opte pelo pacote Off Road Engineering. Pela primeira vez, o SUV do Salão de Genebra 2019 passa a contar com suspensão que traz amortecedores ajustáveis, que podem ser combinados com o sistema de monitoramento de reboques Trailer Monitoring Assist, opcional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.