Tamanho do texto

Apelidado de "Godzilla", tem motor 3.8 V6 biturbo de 572 cv, além de sistemas de tração e suspensão ativos. Só perde o fôlego nos 315 km/h

Nissan GT-R: O monstro japonês do Salão do Automóvel 2018, que compõe a lista dos supercarros do evento
Divulgação
Nissan GT-R: O monstro japonês do Salão do Automóvel 2018, que compõe a lista dos supercarros do evento

O estande da Nissan no Salão do Automóvel 2018 contará com a presença ilustre do superesportivo GT-R. A versão que a fabricante confirmou para a apresentação foi a Premium 2019, equipada com motor 3.8 V6 biturbo de 572 cv e 64,9 kgfm. Vale lembrar que o GT-R já é vendido no Brasil, sendo oferecido sob encomenda com preço inicial de R$ 900 mil.

LEIA MAIS: VW confirma: terá picape conceitual, nova rival da Toro, no Salão do Automóvel

O Salão do Automóvel 2018 , por conta de supercarros como o japonês mais conhecido pelo nome de “ Godzilla ”, promete ser um dos que mais vai entreter. Apesar das novidades mais racionais serem importantes para atender o consumidor, máquinas impressionantes atendem ainda mais ao público, que quer ter contato com o que não é usual.

No caso do Nissan GTR , seu motor denominado "VR38DETT" é feito em alumínio e tem cilindros revestidos com jato de plasma (em contraposição às camisas fundidas), o que permite menor atrito, menor peso, maior capacidade de resfriamento, maior rendimento e consumo mais eficiente. A Nissan destaca que no processo de fabricação todas as etapas da montagem seguem um processo manual, realizado por engenheiros rigorosamente treinados (os chamados de "Takumis"). Cada motor recebe uma placa de alumínio que exibe o nome do engenheiro responsável pela montagem. Também chamam atenção as quatro saídas de escape na traseira, feitas à mão, de titânio e com ronco regulado no painel.

LEIA MAIS: Salão do Automóvel receberá o novo BMW Z4 pela primeira vez no Brasil

O  "Godzilla" no Salão do Automóvel 2018

Nissan GT-R 2019 é sofisticado por dentro, como poderá ser visto ao vivo no Salão do Automóvel 2018
Divulgação
Nissan GT-R 2019 é sofisticado por dentro, como poderá ser visto ao vivo no Salão do Automóvel 2018

O monstro que vive debaixo do capô está acoplado a uma transmissão automática de dupla embreagem e 6 marchas, com modo sequencial e opção de controle por borboletas atrás do volante. Já a potência é transferida para as quatro rodas pelo eixo transversal traseiro independente e pelo sistema de tração batizado de ATTESA E-TS (Advanced Total Traction Engineering System for All-Terrain, ou "sistema avançado de engenharia para tração total em todo terreno").

Um pouco mais a fundo em suas tecnologias relacionadas à dinâmica, um controle de monitoramento da velocidade angular (exclusivo do GT-R) mede as variações entre a velocidade angular ideal, calculada a partir do ângulo de esterçamento e a velocidade angular real e detectada pelo sensor de velocidade angular e o sensor G. Com isso, ajusta a variação do torque de forma apropriada. Pelos números da fabricante, a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em meros 2,7 segundos, com máxima de 315 km/h.

LEIA MAIS: Aceleramos o raro Fiat Coupé no Autódromo de Interlagos. Assista ao vídeo

Não se sabe qual será a cor o GTR exposto no Salão do Automóvel 2018 , entretanto, a marca disponibiliza opções que se combinam com as cores de acabamento interno, Vermelho, bege, cinza, caramelo e preto podem ser combinadas com a pintura da carroceria branca, preta, azul, cinza, prata, vermelha e laranja. As rodas são de aro 20 polegadas, com aro em formato de Y, produzidas pela japonesa RAYS e vêm montadas em pneus especiais Dunlop SP Sport MAXX GT (225/40ZR20 no eixo dianteiro e 285/35ZR20 no traseiro).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.