Tamanho do texto

Além da versão renovada do Sportage, marca confirma que terá utilitário esportivo baseado no Cerato

Kia Stonic é mostrado no Salão do Automóvel 2018 apenas para medir a aceitação do público no evento
Caue Lira/iG
Kia Stonic é mostrado no Salão do Automóvel 2018 apenas para medir a aceitação do público no evento

O Salão do Automóvel 2018 marca o retorno da Kia entre as protagonistas do Brasil. De acordo com o seu presidente, José Gandini, o último regime automotivo que teve fim em 2018, o Inovar Auto, prejudicou o trabalho das importadoras entre 2012 e 2017.

LEIA MAIS:  Kia Sportage: o importado mais vendido do Brasil vale a compra. Mas...

Com novo fôlego, a marca apresenta no Salão do Automóvel 2018  a reestilização leve do Sportage, o esportivo Stinger GT, bem como a confirmação de que teremos um SUV com base no Cerato ainda em 2019. O hatch Rio também está sendo exibido no evento, mas sua vinda ao Brasil depende do rumo da economia. Os executivos, ao menos, estão confiantes.

O Stonic virá para competir com SUVs compactos, como VW T-Cross, Honda HR-V, Jeep Renegade e Nissan Kicks. Trata-se de uma das categorias de maior volume de vendas no Brasil, chegando a corresponder por 25% das vendas em alguns meses. De acordo com a Kia, o modelo mostrado no Salão do Automóvel 2018 servirá como uma “clínica” para que o público conheça as suas capacidades na concepção de SUVs compactos. Um novo modelo construído sobre a plataforma do atual Cerato virá do México no ano que vem, ainda sem nome definido.

Kia Stonic tem estilo arrojado, chama atenção no Salão do Automóvel 2018, mas não tem chegada confirmada
Caue Lira/iG
Kia Stonic tem estilo arrojado, chama atenção no Salão do Automóvel 2018, mas não tem chegada confirmada


Não é a primeira vez que o hatchback Rio aparece no Brasil. As vendas do modelo que já está homologado por aqui dependem da taxa cambial, para que tenha um valor competitivo contra VW Polo, Fiat Argo e Toyota Yaris. Caso venha ao Brasil, conheceremos o modelo ainda em 2019.

LEIA MAIS: Kia Sportage muda visual na linha 2019 e tem chegada confirmada ao Brasil

Encerrando as novidades, o sedã de luxo K900 também está entre as atrações da Kia para o evento. Sem qualquer confirmação de que será vendido no Brasil, trata-se apenas de um estudo sobre um possível concorrente para Audi A4 e Mercedes-Benz Classe C. Algumas variantes elétricas de veículos como Soul, Niro e Optima também serão exibidas, sem confirmação de que chegarão ao mercado.

Kia K900 é outro modelo da Kia no Salão do Automóvel 2018 para medir a reação do público
Caue Lira/iG
Kia K900 é outro modelo da Kia no Salão do Automóvel 2018 para medir a reação do público


Pouco muda no Sportage . O SUV de maior sucesso da marca coreana ganha novo para-choque, disposição nos faróis e algumas alterações no acabamento interno. As rodas de liga-leve também são novas. O Stinger, por sua vez, já havia sido mostrado há alguns meses, e volta a aparecer com motor 3.3 biturbo de 370 cv e 52 kgfm de torque. O modelo foi desenhado por Peter Schreyer, ex-designer da Audi.

LEIA MAIS:  Kia Rio aparece em tabela de consumo do Inmetro, mas ainda é dúvida no Brasil

Em 2018, a Kia registrou crescimento de 42% em suas vendas. É um bom número, considerando que o mercado evoluiu 13% no mesmo período. O objetivo para 2019, conforme dito pelo presidente da marca durante o Salão do Automóvel 2018 , é vender 20 mil carros que serão importados da Coreia do Sul, do México e do Uruguai.

Kia K900, sedã de luxo da marca, está entre os modelos da marca expostos no Salão do Automóvel 2018
Caue Lira/iG
Kia K900, sedã de luxo da marca, está entre os modelos da marca expostos no Salão do Automóvel 2018


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.