Tamanho do texto

Sedã promete chamar atenção pelas inovações tecnológicas no Salão de Paris, que prometem inovar ante os rivais do segmento premium

Estará no Salão de Paris um dos últimos desenvolvimentos da Lexus, voltado ao luxo e à tecnologia. Isso fica evidente primeiro nos retrovisores do Lexus ES 2019, que acaba de se tornar o primeiro carro de produção a trocar os espelhos por câmeras digitais de alta resolução. Elas reproduzem suas imagens internamente, por meio de telas digitais de 5 polegadas presas às colunas dianteiras.

LEIA MAIS: Peugeot revela cupê conceitual elétrico e autônomo no Salão de Paris

Apesar da inovação que chamará atenção no Salão de Paris , o Lexus ES 2019 também se beneficia de uma melhor aerodinâmica. As câmeras, segundo a marca japonesa, reduzem o arrasto aerodinâmico, assim como o ruído e proporcionam redução no consumo, se comparado à estruturas convencionais de espelhos retrovisores. Além disso, acumulam menos neve (algo importante em países frios), sofrem menos com a chuva, bem como não possuem vidros para embaçar e comprometer a visibilidade traseira.

LEIA MAIS: Com apenas 200 unidades, Maserati Ghibli fará a sua estreia no Salão de Paris

Lexus ES 2019 é expectativa no Salão de Paris, pois será um dos primeiros com tecnologia de câmeras nos retrovisores
Divulgação
Lexus ES 2019 é expectativa no Salão de Paris, pois será um dos primeiros com tecnologia de câmeras nos retrovisores

As câmeras também ajustam o foco para qualquer tempo de dia ou de noite, assim como ampliação a visão em mudanças de pistas e em manobras de estacionamento. O ajuste de alcance pode ser feito manualmente também.

LEIA MAIS: Lexus lança no Brasil o sedã luxuoso LS 500 hybrid, a um preço de R$ 760.000

Até o momento, o Lexus ES 2019 com as câmeras digitais começa a ser vendido na ásia a partir de outubro, já que a tecnologia ainda não está liberada em muitos lugares. Entretanto, logo mais poderá ser comercializado na Europa. Por conta disso, promete ser uma grande atração na França entre os dias 4 e 14 de outubro.

LEIA MAIS: Acaba de desembarcar o Lexus NX 300h, primeiro SUV híbrido da marca no Brasil

Alguns carros equipados com câmeras externas de manobra ou mudança de faixa já permitem a utilização das imagens durante toda a condução, como é o caso de alguns Land Rover, Civic, Civic Si e CR-V, por exemplo.

Design e motor que deverão chamar atenção no Salão de Paris

O carro explora as possibilidades de de design ao seu segmento, que nos últimos tempos vem ganhando cada vez mais integrantes, tanto no Brasil quanto no mundo. Suas linhas agressivas, marcadas pelos faróis e lanternas traseiras em LED, conferem ares esportivos e sensação de movimento, mas sem perder a luxuosidade característica da marca.

LEIA MAIS: Lexus faz sedã coberto com 41.999 LEDs coloridos na carroceria. Veja vídeo

Quanto ao seu motor, segue o mesmo 3.5 V6 da geração anterior, mas agora foi aprimorado, aumentando sua potência para um total de 300 cv. Um câmbio automático de 6 marchas que envia o movimento às rodas dianteiras dão o desfecho. Além disso, uma versão híbrida - que partilhará componentes com o GS híbrido - deverá surgir conforme a tendência da marca de que, até 2025, todos os seus modelos de produção terão motorização 100% elétrica ou híbrida. Europeus do Salão de Paris certamente possuem expectativas para a chegada desse sedã de luxo no mercado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.