Tamanho do texto

Novo sedã chegará ao mercado no fim de 2019, mas nenhum outro modelo será substituído na linha da GM. Confira o novo sedã na galeria abaixo

Chevrolet Onix Sedan
Fotos: André Jalonetsky
Chevrolet Onix Sedan já estreou na China com motores 1.4 aspirado e 1.0 turbo, de três cilindros, que será feito no Brasil

Cada vez mais próximo de sua estreia, o Chevrolet Onix Sedan é visto nas ruas em novos testes. A marca ainda não removeu a camuflagem pesada, que conta até mesmo com inserções de madeira e papelão para mascarar o formato de alguns componentes visuais.

LEIA MAIS: Vaza primeira foto da reestilização do Renault Captur

O Chevrolet Onix Sedan será o primeiro de vários lançamentos brasileiros que serão feitos sob a nova plataforma GEM (Global Emerging Markets), para países emergentes da América do Sul e Ásia. O sedã chegará ao nosso mercado apenas no final de 2019 para somar à linha da GM no Brasil. Ou seja, nenhum outro modelo sairá de linha. 

Lançados no fim de 2012, os modelos Onix e Prisma continuarão sendo fabricados no Brasil após o lançamento da nova família de produtos Chevrolet. Dessa forma, a marca finalmente terá um substituto direto para o Celta, que saiu de linha em 2015. O novo posicionamento do sedã Cobalt, por outro lado, é incerto. Dessa forma, o futuro lançamento da GM terá Fiat Cronos, Volkswagen Virtus e Toyota Yaris Sedan na mira. Depois do sedã do novo Onix, virá o hatch também no segundo semestre, mais para o final do ano. 

LEIA MAIS: Projeção antecipa elementos visuais da nova picape intermediária da GM

Chevrolet Onix Sedan chega em breve

Conforme afirmou Gregório Del Rio, engenheiro-chefe global da nova família de veículos da GM, o carro chegará no fim de 2019, com o mais novo motor de três cilindros, turbo, além de aços mais leves e resistentes para uma composição estrutural com mais qualidade.

“Os novos produtos vão surpreender com o máximo em inovação e tecnologias inéditas. O consumidor elegeu a Chevrolet como a marca preferida e continua a dar aos atuais modelos do Onix e do Prisma a liderança absoluta nas vendas. Além disso, o mercado passa por um momento de transformação, o que abre espaço para acrescentarmos novos produtos dentro do mesmo segmento”, destaca Carlos Zarlenga, presidente da GM América do Sul.

LEIA MAIS: Flagra! Cotado para o Brasil, SUV da Kia menor que o Sportage é visto em testes

O projeto do Chevrolet Onix Sedan é global e teve participação dos centros de desenvolvimento da marca no Brasil, México, Estados Unidos, Alemanha, China e Coreia do Sul. Mesmo já com os novos projetos engatilhados na equipe brasileira da marca, a GM ainda não confirmou em qual fabrica o novo “irmão” do Chevrolet Prisma sedã será produzido.