Maior exposição do setor automotivo do ano volta a ter apelo com grandes lançamentos de vários segmentos

O Salão de Paris é aberto para a imprensa mundial como nos áureos tempos. Supercarros, vários lançamentos e uma série de novidades, inclusive que estão com passaporte carimbado para o Brasil, como as novas gerações de Nissan March , Hyundai i30 , Audi Q5  e Land Rover Discovery . O primeiro começa a ser vendido na Europa em março do ano que vem e logo em seguida passa a ser fabricado no México, de onde poderá ser trazido ao Brasil para conviver por um tempo com atual geração feita em Resende (RJ). Se vier a ser feito aqui, não vai ser antes de 2018.

No caso do novo Hyundai i30  que está no Salão de Paris , a data em que começará a ser vendido no Brasil ainda é um mistério, ainda mais com as vendas em baixa no País. Mas se trata da nova geração, que recebeu várias mudanças para enfrentar com mais apelo Volkswagen Golf, Ford Focus e companhia. Entre as principais está a nova estrutura, 22% mais rígida e que garante mais espaço interno, com entre-eixos de 2,65 metros. Os motores também são novos, com destaque para os turbinados, com injeção direta de combustível, de 1.0 ou 1.4 litro de cilindrada, que rendem 120 cv e 140 cv, respectivamente.

LEIA MAIS: Ferrari GTC4 Lusso ganha versão turbinada no Salão de Paris

O Audi Q5 chega à nova geração com vários itens herdados do irmão maior, o Q7 , o que pode ser notado pelo formato dos faróis, por causa do desenho da grade, entre outros detalhes. Novidade também é a base MLB-Evo, bem como a suspensão a ar e o quadro de instrumentos configurável. E o novo Land Rover Discovery foi completamente renovado, o que o deixou bem mais leve que o anterior com a nova plataforma plataforma PLA (Premium Lightweight Architecture). Ganhou novos motores com câmbio automático de oito marchas, novo multimídia e pode ter até a posição dos bancos comandada remotamente pelo celular. 

Renovados, protótipos e superesportivos

Além das novas gerações também interessam ao Brasil os modelos que receberam apenas retoques, como a dupla Sandero e Logan . Ambos mudaram mais na parte dianteira, que passa a ter faróis que usam LEDs no lugar das lâmpadas convencionais, além da grade e dos para-choques redesenhados, que ganharam moldura cromada dos faróis auxiliares de neblina.

LEIA MAIS:  Sandero e Logan mudam na Europa, veja como ambos ficaram

Entre os carros dos sonhos, um dos grandes destaques fica por conta da LaFerrari Aperta, com capota removível é feita de fibra de carbono e motor V12 de 800 cv que funciona com outro elétrico, de 163 cv, somando 963 cv. O srupercarro é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos e de atingir 350 km/h. Quer mais? Ok, para sair de imobilidade até atingir 200 km/h é preciso apenas 7 segundos. 

O Mercedes-Benz AMG GT Roadster  é outra novidade no terreno dos supercarros. Estará disponível em duas versões. Uma de 469 cv, e outra a GT C, de 547 cv, que pode acelerar 0 a 100 km/h em apenas 3,7 segundos e atingir 316 km/h, de acordo com os números da fabricante.

E na lista de protótipos, um dos que mais chamam atenção é o Renault Trezor, que vai servir de base para os próximos lançamentos da marca.  Tem desenho arrojado, com para-brisa vermelho e teto que se abre como uma caixa de joias, revelando o interior avermelhado. O motor é elétrico, o mesmo usado na Fórmula E .

LEIA MAIS: Mercedes-Benz antecipa detalhes do AMG GT Roadster antes do Salão de Paris


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.