Tamanho do texto

Lista inclui apenas modelos de cabine dupla fabricadas em série e disponíveis hoje em dia nas lojas do País

Quem entra no segmento de picapes médias hoje em dia deverá usar o utilitário fora das grandes cidades, principalmente depois da chegada das intermediárias (Toro e Oroch), de caráter mais urbano. Além disso, esse tipo de picape tem suas caçambas melhor aproveitadas pelos seus donos, uma vez estão entre as vantagens em relação ao espaço mais apertado dos modelos que ficam entre leves e grandes.

LEIA MAIS: Quem é quem no maravilhoso mundo das picapes. Saiba mais detalhes

Como as versões de cabine simples das picape médias são geralmente usadas na maior parte das vezes apenas para trabalho, selecionados as picapes médias de cabine dupla mais em conta atualmente mais em conta disponíveis atualmente no Brasil, capazes de levar até cinco ocupantes. As três primeiras da lista contam com motores flex, ficando as outras duas restantes com o a diesel. Confira a lista abaixo.

1 – Chevrolet S10 2.5 Flex Advantage – R$ 94.990

Chevrolet S10 Advantage: modelo com melhor relação entre custo e benefício oferecido pela GM atualmente
Divulgação
Chevrolet S10 Advantage: modelo com melhor relação entre custo e benefício oferecido pela GM atualmente

 O modelo da marca americana é a picape média de cabine dupla mais em conta atualmente no mercado.  Vem com o eficiênte motor 2.5 flex, capaz de render 206 cv e 27,3 kgfm de torque a 4.400 rpm, que funciona em conjunto com câmbio manual de seis marchas e tração apenas traseira. Entre os principais equipamentos de série, estão entre os detaques o controle eletrônico de estabilidade e tração e o monitoramento da pressão dos pneus, mais ligados à segurança ativa.

O interior é simples, com bancos de tecido e a versão mais comum da central multimídia Mylink.  Por fora, há rodas de liga-leve de aro 16, mas as maçanetas das portas e as carcaças dos retrovisores ficam sem pintura. A caçamba vem com 1.570 litros e 937 kg de carga útil, o que fica num patamar razoável entre as picapes médias atualmente à venda no País.

LEIA MAIS: Venda de picapes vai se transformar no Brasil?

2 – Toyota Hilux SR 2.7 Flex – R$ 108.990

Com motor 2.7 flex de 163 cv e 25 kgfm com etanol é a versão que mais em conta da linha da marca japonesa
Divulgação/Toyota
Com motor 2.7 flex de 163 cv e 25 kgfm com etanol é a versão que mais em conta da linha da marca japonesa

 Vem com motor 2.7, maior de quatro cilindros disponível atualmente no mercado. Mas não têm tanta força e potência. São 163 cv com apenas etanol no tanque e 25 kgfm a 4.000 rpm. Além disso, o câmbio manual de 5 marchas não é dos mais modernos. Entretanto, apesar de ser a versão básica, a picape conta com itens como câmera de ré, ancoragem ISOFIX para cadeiras infantis, porta-luvas climatizado e central multimídia com GPS.

Ao contrário da S10, as maçanetas das portas são pintadas da cor da picape. Entretanto, a caçamba é um pouco menor que o rival da GM. Leva 1036 litros e tem capacidade de carga de 730 kg, mas também funciona com tração apenas traseira. Entre as rivais, o modelo da Toyota é conhecido pela robustez. 

3 – Ford Ranger XLS 2.5 – R$ 110.790

Eis a versão mais em conta com cabine dupla da marca americana, que vem com bons itens de segurança
Divulgação
Eis a versão mais em conta com cabine dupla da marca americana, que vem com bons itens de segurança

 A picape flex da Ford também conta com alguns itens importantes ligados à segurança, mas nessa versão de cabine dupla mais em conta da linha as maçanetas e as carcaças dos retrovisores não são pintadas, como na S10. Mas o conjunto mecânico não é tão eficiente quanto o da GM. O motor rende 173 cv e 25 kgfm de torque a 4.500 rpm, com câmbio manual de 5 marchas e tração traseira. 

LEIA MAIS:  Depois da guerra dos SUVs, vem aí a batalha das picapes no Brasil

Entre os principais equipamentos de série, destacam-se os ligados à segurança, como ancoragem ISOFIX para cadeiras infantis, controles eletrônicos de estabilidade e tração, além de assistente de subida em rampas. A caçamba leva 1.180 litros e bons 1.280 kg de carga útil. Na linha 2019, recebeu poucas novidades, à espera de mudanças mais significativas. 

4 – Mitsubishi L200 Sport GL – R$ 120.990

Mitsubishi L200 Sport GL é bem simples, mas tem bastante força disponível desde as primeiras marcações do contagiros
Divulgação
Mitsubishi L200 Sport GL é bem simples, mas tem bastante força disponível desde as primeiras marcações do contagiros

 Depois que a marca japonesa deixou de vender as versões flex da L200, a versão mais em conta da picape passou a ser a GL turbodiesel.  A vantagem em relação às outras três rivais citadas acima fica por conta da força bem maior do motor desde as primeiras marcações do contagiros. São nada menos que 43,9 kgfm de torque a meros 2.500 rpm. Outro ponto positivo é que o câmbio é manual de seis marchas e a tração, integral.

LEIA MAIS:   Desbravamos o início do Brasil com a nova Nissan Frontier SE

Porém, a lista de equipamentos é a mais despojada até agora, o que deixa claro que a versão é voltada para trabalho, apesar de ser cabine dupla. Portanto, nada de luxo, apenas o essencial. Não há controles eletrônicos, ou equipamentos minimanente sofisticados. O máximo que se encontra é o som com entrada USB e conexão Bluetooth. As rodas são de aço, sem calotas de aro 15. Mas a caçamba leva 1.046 litros e 1.050 kg de carga útil. 

5 – VW Amarok S 4x4 – R$ 130.590

VW Amarok mais simples de cabine dupla vem com motor 2.0, turbodiesel e tração integral de série
Divulgação
VW Amarok mais simples de cabine dupla vem com motor 2.0, turbodiesel e tração integral de série

 A picape média da marca alemã fica em desvantagem em relação as outras rivais em relação ao preço, mas tem caçamba de 1.200 litros, a segunda maior das cinco picapes desta lista. Porém, o motor 2.0, turbodiesel, tem apenas 140 cv, mas bons 34,7 kgfm de torque a baixos 1.600 rpm, o que confere boa dose de força logo ao pisar no acelerador.

LEIA MAIS: Conheça os desafios das picapes híbridas no mercado mundial

Na lista de equipamentos, não esqueceram de incluir aqueles que estão ligados à parte de segurança, como ancoragem ISOFIX para cadeiras infantis e controles eletrônicos de estabilidade e tração. A tração é integral, o que ajuda a passar por pisos escorregadios e o câmbio, de 6 marchas, favorecendo o conforto e a economia de combustível entre as picapes médias concorrentes do modelo da marca alemã.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.