Tamanho do texto

O furgão de longa data também passa a contar com 122 cv, a partir do seu motor 1.6, que recebeu pistões forjados, entre outras mudanças

Peugeot Partner rivaliza com Fiat Doblò e Renault Kangoo, numa briga de longa data entre os carros de trabalho
Divulgação
Peugeot Partner rivaliza com Fiat Doblò e Renault Kangoo, numa briga de longa data entre os carros de trabalho

O Peugeot Partner 2019 já está nas concessionárias e promete movimentar o mercado de veículos utilitários leves. Após atualizações,  passa a contar com a nova motorização 1.6 16V Flex, que gera 122 cv. Além disso, traz o mesmo painel totalmente digital do Citroën C4, com Indicadores de velocidade numérica e de troca de marcha, além de marcador de temperatura.

LEIA MAIS: Citroën confirma que fabricará o SUV C4 Cactus no Brasil a partir de setembro

O Peugeot Partner tem 1,25 m de altura, 1,16 m de largura, 1,7 m de comprimento, 800 kg de capacidade de carga e um volume útil de 3 m³, bem como conta com porta lateral corrediça de série. O modelo será vendido em versão única furgão, por R$ 64.990 (redução de R$ 3 mil frente ao modelo anterior). Atualmente, entre os furgões, é o que mais promete trazer algum nível de modernidade, a levar em consideração o seu novo cluster .

LEIA MAIS: Citroën C3 2019 é lançado na versão Urban Trail, que é aventureira e discreta

Equipamentos

Peugeot Partner estreia o cluster digital que equipa o C4, incluindo o SUV Cactus, que chegará em setembro
Divulgação
Peugeot Partner estreia o cluster digital que equipa o C4, incluindo o SUV Cactus, que chegará em setembro

De série, traz ar-condicionado, direção hidráulica e comando de regulagem de altura do facho dos faróis. Outros equipamentos incluem o sistema Flex Start, que dispensa o tanquinho de gasolina para partidas a frio, bem como comando de válvulas variável, bomba de óleo variável, bielas forjadas e fraturadas, sistema drive by wire, cilindros, anéis e pistões de baixa fricção, entre outros.

LEIA MAIS: VW Tiguan Allspace enfrenta Peugeot 5008, ambos os SUVs com sete lugares

O visual do Peugeot Partner segue o mesmo desde 2001, já como modelo 2002 e sucessor do Berlingo
Divulgação
O visual do Peugeot Partner segue o mesmo desde 2001, já como modelo 2002 e sucessor do Berlingo

Além disso, utiliza uma suspensão dianteira independente, do tipo McPherson, com amortecedores hidráulicos e barra estabilizadora. Na traseira, também independente, com barras de torção, amortecedores hidráulicos e barra estabilizadora. Segundo a fabricante, é um conjunto robusto e confiável para atender a qualquer tipo de necessidade.

LEIA MAIS: Peugeot 208 Inconcert é lançado por R$ 65.490, com melhorias no som

Muitos verão o furgão em Minas Gerais e Pará, estados em que a Peugeot venceu licitação para a entrega de 800 unidades da Partner para cumprir as mais diversas tarefas no serviço público. Entre eles, para transformar em ambulâncias. De resto, tem como objetivo atender aos mais diversos serviços gerais.

LEIA MAIS: Peugeot 2008 Style 2019 é lançado pelo preço de R$ 82.990

As portas do Peugeot Partner abrem 180°, o que promete mais praticidade na hora de colocar ou tirar objetos
Divulgação
As portas do Peugeot Partner abrem 180°, o que promete mais praticidade na hora de colocar ou tirar objetos

Tal como outros quatro modelos que eram vendidos aqui desde que a seleção brasileira era tetracampeã , o Peugeot Partner surgiu em 2001, derivado do “primo” Citroën Berlingo. Entretanto, durante muito tempo, foram poucas as mudanças adotadas no Partner, que desde sempre concorreu com Fiat Doblò e o Renault Kangoo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.