Tamanho do texto

A série especial adiciona itens exclusivos que acrescentam personalidade. Ao todo, serão 25 unidades no País, mas os preços ainda não foram confirmados

O “Mini Cooper 60 Years Edition” — de série especial comemorativa dos 60 anos da marca — está com seu passaporte carimbado para o Brasil. Apresentado oficialmente no início deste ano, a edição limitada em 25 unidades ao Brasil virá na versão hatch de 3 portas. Por enquanto, ainda não foram divulgados datas e mais detalhes sobre quando começarão as vendas.

LEIA MAIS: Mini Cooper JCW chega à linha 2019 com câmbio de 8 marchas 

A versão escolhida para o modelo comemorativo será o Mini Cooper S, que virá com a cor New British Racing Green (cor oficial do automobilismo britânico) e teto na cor Branco Pepper. Completam o visual as faixas esportivas sobre o capô com a inscrição “60 Years”, rodas de liga leve de 17 polegadas, projeção em LED da inscrição comemorativa, soleiras “60 Years”, volante em couro Walknappa — também com o emblema — e revestimento dos assentos revestidos de couro na cor Dark Brown.

LEIA MAIS: Mini Cabrio 2019 fica ainda mais irreverente sem capota. Veja avaliação

Entre os equipamentos de série, estão o sistema de áudio premium Harman/Kardon, Head-Up Display, regiões luminosas no interior, acabamento em black piano, ar-condicionado digital automático de duas zonas, faróis Adaptativos de LED, teto solar panorâmico, entre outros. Vale ressaltar que também traz um pequeno projetor de luz, responsável por emitir a imagem do logotipo da marca no chão, ao abrir a porta.

LEIA MAIS: Mini Countryman JCW ALL4: diversão tamanho família

Conectividade, esportividade e personalidade

Mini Cooper S 60 Years
Divulgação
Mini Cooper comemorativo tem uma pitada a mais dos atributos que fazem o hatch ser tão lembrado por sua personalidade

Entretanto, o equipamento que mais recebeu elogios após a chegada da nova geração foi a central multimídia com acesso a internet 4G por meio de um SIM Card, que funciona também para atualizar a situação do trânsito em tempo real. Além disso, oferece o serviço de concierge, que permite o condutor solicitar uma série de pedidos, como localizar o restaurante mais próximo, ou reservar um hotel, sem custo de mensalidade por três anos. No caso dos serviços de chamada de emergência, não há prazo de validade.

LEIA MAIS: BMW X2 ganha motor flex em todas as suas versões vendidas no Brasil

Conforme a versão S, virá equipado com motor 2.0 turbo, com 192 cv e 28,5 kgfm, capaz de entregar uma aceleração até 100 km/h em 7,1 segundos, conforme declara a fabricante do hatch esportivo . Vale lembrar que a linha 2019 recebeu o novo câmbio automático do Grupo BMW, com 7 marchas e dupla embreagem, que apesar de algumas diferenças no escalonamento, é o mesmo do SUV BMW X2 .

LEIA MAIS: BMW X2: SUV se mostra um contraponto em um mundo cada vez mais chato

O grupo BMW — quem detém os direitos de desenvolver e produzir o Mini Cooper — prioriza a personalidade, mas não abre mão da tradição britânica que surgiu no primeiro modelo, de 1959. De modo a enfatizar a forte distinção do compacto, Rafael Rezende — fã, integrante do Mini Club São Paulo e dono de dois exemplares (um JCW 2004 e uma réplica de corrida que testamos aqui ) — lembrou de uma estatística curiosa, durante uma entrevista com a redação do iG Carros no ano passado. Segundo ele, somente uma unidade, a cada aproximadamente duas milhões, sai de fábrica com todos os opcionais iguais entre si.