Tamanho do texto

Estratégia da montadora sueca é enfrentar a vanguarda da Tesla no mercado da tecnologia de luxo, a partir dos modelos S60, S90 e XC40

Polestar 1 arrow-options
Divulgação
O Polestar 1 é um carro híbrido plug-in de luxo com 591 cv de potência e é baseado no sedã Volvo S90

A Volvo criou a Polestar, sua marca de carros híbridos e elétricos, buscando uma visão exclusiva no mercado automotivo e, na última semana, iniciou na China a produção de dois veículos de luxo, um híbrido plug-in e outro elétrico. Trata-se de uma estratégia de inovação que visa atrair os consumidores da Tesla, a partir do Volvo XC40 e do S90, projetos bem consolidados.

LEIA MAIS: Mercedes-Benz apresenta a EQV, sua primeira minivan totalmente elétrica

“Criamos uma marca inspiradora. Diferentemente de outras montadoras, a Polestar vai fabricar os veículos na China para as exportações globais”, disse Thomas Ingenlath, diretor executivo da nova empresa. Antes de falar do Polestar 2, que será baseado no Volvo XC40 , um dos lançamentos será o Polestar 1, que chega até 2020 e tem um estilo elegante e é essencialmente uma versão de duas portas baseada no luxuoso sedã Volvo S90 com uma carroceria de fibra de carbono para diminuir seu peso.

Polestar arrow-options
Divulgação
O Polestar, 1º modelo da marca exclusiva da Volvo já é fabricado na China para o mundo com uma produção limitada

Híbrido plug-in de produção limitada, o Polestar 1 terá um motor 2.0, de quatro cilindros, turbo e um motor elétrico principal montado na frente, que faz 375 cavalos de potência combinados e aciona as rodas dianteiras. Há ainda dois motores elétricos na parte de trás, capazes de produzir 111 cavalos de potência e que acionam as rodas traseiras.

LEIA MAIS: Clássicos que viram carros elétricos é a nova tendência

Essa combinação fornece tração nas quatro rodas e desenvolve uma potência combinada de 591 cavalos. No modo totalmente elétrico, o Polestar 1 depende apenas da tração traseira. Neste caso, alcança 135 km de autonomia. Por ser um híbrido plug-in permite a recarga das baterias por meio de uma tomada de energia.

Será equipado com amortecedores adaptáveis ​​e terá rodas de 21 polegadas com pneus Pirelli P Zero. O interior do cupê esportivo da Polestar, com espaço para quatro pessoas, tem semelhança com os mais recentes modelos da Volvo.

De olho no Model 3

Volvo Polestar arrow-options
Divulgação
Totalmente elétrico, o Polestar 2 é derivado do Volvo XC40 e vai brigar diretamente com o Tesla Model 3

Para brigar com o Tesla Model 3, a Volvo elegeu o Polestar 2, um crossover 100% elétrico de 5 portas. Com uma aparência singular e de condução elevada, o Polestar 2 é um carro elétrico de vanguarda. De série, vem com faróis full LED e luzes diurnas em “T” (marca registrada da Volvo), grade com acabamento em preto e rodas de liga leve de 20 polegadas. O modelo será lançado também em 2020 na Europa, América do Norte e China.

LEIA MAIS: Ônibus da Toyota das Olimpíadas traz tecnologia de carro elétrico

Construído sobre a plataforma modular CMA, a mesma do XC40, o modelo traz dois motores elétricos que, juntos, geram 413 cv. A tração é integral. As baterias de íons de lítio de 78 kWh montadas sob o assoalho e o banco traseiro lhe asseguram 500 quilômetros de autonomia.

Polestar arrow-options
Divulgação
O Polestar 2 tem central multimídia e a segurança preventiva é redobrada com o uso de diversas câmeras

O Polestar 2 pode usar corrente contínua de uma tomada regular para recarregar até 150 kW em poucos minutos. O nível máximo, a duração e a corrente elétrica de carga podem ser controlado por um aplicativo.

A segurança preventiva, uma das preocupações dos carros elétricos, é cuidadosa, formada por uma unidade de radar frontal, uma câmera montada no pára-brisa e duas unidades de radar traseiras. O Polestar 2 avisa o motorista (por meio de um pulso de freio e sinais de áudio e visual no visor do carro) e freia automaticamente, se necessário.

LEIA MAIS: Volvo S60 da nova geração chega para desafiar os líderes alemães

Ao lançar uma nova marca, a Volvo visa uma proposta de venda exclusiva. Mais uma lição ensinada pela Tesla, que usa mensagens na internet para oferecer o que melhor se encaixa na preferência do comprador. Com o Polestar 1 — baseado no S90 — e o Polestar 2 — no Volvo XC40 — mais uma montadora vai reinventar o seu modelo de negócio.